José Dias completa a Swiss Epic na sexta posição! Rui Porto Nunes e José Silva 14ºs!

Terminou este sábado mais uma edição da Swiss Epic, com José Dias, pela Buff Scott MTB Team e a dupla Rui Porto Nunes – José Silva, pela Sponser Portugal / Goenatlife a serem os representantes portugueses, e a acabarem entre os 15 primeiros da classificação geral entre os elites masculinos, ao final das cinco etapas que compunham a prova!

Dia 1

A primeira etapa trazia uma ligação de 62km em St. Moritz, com 2350m de desnível positivo acumulado. A vitória acabaria por sorrir à dupla Suíça de Nicola Rohrbach e Lukas Fluckiger (Goldwurst Power – Infinity), com 3:11:22, menos 6s que a dupla italiana de Samuele Porro e Fabian Rabensteiner (Trek – Pirelli). O terceiro lugar foi para Frans Claes e Daniele Mens, a 1:02. José Dias, juntamente com o espanhol Enrique Morcillo, fechou na 12ª posição, a 14:44, enquanto Rui Porto Nunes e José Silva terminaram em 25º, a 46:34.

José Silva e Rui Porto Nunes na Swiss Epic (Foto: Instagram Rui Porto Nunes)

Dia 2

A segunda jornada da Swiss Epic teve 61km entre St. Moritz e Valposchiavo, com 1850m de desnível positivo acumulado, e 2650m de desnível negativo. A vitória voltou a sorrir a Rohrbach e Fluckiger, com 2:43:18, um tempo que lhes permitiu cortar a meta com 1:45 de vantagem sobre o holandês Hans Becking e o espanhol Francesc Guerra (Buff Scott MTB Racing), e 2:02 sobre o suíço Konny Looser e o luxemburguês Soren Nissen (Stoll & Stevens Racing). José Dias e Enrique Morcillo foram quartos, a 2:19, enquanto Rui Porto Nunes e José Silva concluíram em 19º, a 28:49.

Na classificação geral, Rohrback e Fluckiger lideravam com Becking e Guerra a 5:40. Looser e Nissen eram terceiros, a 9:58. José Dias e Enrique Morcillo eram sextos, a 17:03, e Rui Porto Nunes e José Silva eram décimo nonos, já a 1:15:23.

Dia 3

A terceira etapa apresentava 75km entre St. Moritz e Davos, 2300m de desnível positivo acumulado e 2500m de desnível negativo. Pelo terceiro dia consecutivo foram Rohrbach e Fluckiger a levar a melhor, com 56s sobre Becking e Guerra. O terceiro posto foi uma vez mais para Looser e Nissen, a 2:59. José Dias e Enrique Morcillo fecharam na sexta posição, a 8:08, enquanto Rui Porto Nunes e José Silva fecharam na 15ª a 37:27.

Na classificação geral, Rohrbach e Fluckiger eram cada vez mais líderes, com 6:36 sobre Becking e Guerra e 12:57 sobre Looser e Nissen. José Dias e Enrique Morcillo mantinham a sexta posição, a 25:11, e Rui Porto Nunes e José Silva subiam à décima sexta, a 1:52:50.

Dia 4

A quarta etapa tinha partida e chegada em Davos, com 66km e 2300m de desnível positivo acumulado. Desta vez, Becking e Guerra levaram a melhor sobre Rohrbach e Fluckiger, e venceram com 1:41 de vantagem sobre os suíços. No terceiro lugar fecharia a dupla suíça de Andrin Beeli e Matthias Stirnemann, a 2:34. José Dias e Enrique Morcillo voltaram a terminar em sexto, a 8:27, enquanto Rui Porto Nunes e José Silva terminaram em décimo quarto, a 34:51.

Na classificação geral, Rohrback e Fluckiger seguiam com uma liderança confortável de 4:55 sobre Becking e Guerra, enquanto Looser e Nissen eram terceiros, mas já a 15:40. José Dias e Enrique Morcillo continuavam na sexta posição, a 31:57, enquanto Rui Porto Nunes e José Silva subiam a décimo quarto, a 2:26:00.

Nicola Rohrback e Lukas Fluckiger foram os grandes vencedores da Swiss Epic 2021!

Dia 5

A última etapa voltava a ter partida e chegada em Davos, e apresentava 63km com 2200m de desnível positivo acumulado. A vitória voltou a sorrir a Rohrbach e Fluckiger com Becking e Guerra na segunda posição a 1:42. O terceiro lugar seria para o suíço Fadri Barandun e o alemão Vinzent Dorn (Team St. Moritz), a 2:51. José Dias e Enrique Morcillo foram sétimos, a 9:37, enquanto Rui Porto Nunes e José Silva terminaram em 20º, a 37:54.

Na classificação geral, a vitória sorriu, sem surpresas a Rohrbach e Fluckiger, com o pódio a ficar completo com Becking e Guerra, a 6:37 e Looser e Nissen a 21:09. José Dias e Enrique Morcillo fecharam na sexta posição, a 41:34, enquanto Rui Porto Nunes e José Silva concluíram na décima quarta posição, a 3:03:54.

Classificações Completas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock