Zoe Backstedt: Ontem fez 17 anos, hoje é Campeã do Mundo Júnior!

A britânica Zoe Backstedt, com apenas 17 anos feitos ontem, é a nova Campeã do Mundo Júnior, levando a melhor ao sprint sobre a norte-americana Kaia Schmid após 1:55:33 e 75.2km de corrida! A ciclista ainda júnior de primeiro ano conquista o maior título da carreira, nuns Mundiais que certamente não esquecerá! A terceira posição ficou para a Campeã Europeia, a alemã Linda Riedmann, a 57s.

Com 5 voltas ao circuito local de Leuven para se consagrar a nova Campeã Mundial Júnior, um pelotão de 112 ciclistas arrancou bem cedo, pelas 8h15 locais, em busca de um tão almejado título. As acelerações começaram desde cedo, com a França, os Países Baixos e a Bélgica a lançarem-se ao ataque, na tentativa de partir a corrida. O pelotão não quebrou na primeira volta, mas ficou por diversas vezes bastante alongado, principalmente nas fases de descida.

Foi já na segunda volta que o Reino Unido atacou, e conseguiu efetivamente partir o pelotão, com um grupo de 15 ciclistas a isolar-se das restantes. Com a França e a Rússia não representadas, e uma colaboração ineficiente na frente, a junção voltou a acontecer pouco depois e o pelotão reagrupou. As britânicas não desistiram e continuaram a tentar atacar com Flora Perkins e Zoe Backstedt, apesar da marcação apertada da formação italiana.

Backstedt bateu Schmid num disputado sprint!

Foi já na terceira volta, a pouco mais de 30km para o fim, que Backstedt e Schmid atacaram, ganhando espaço para um grupo de 20 ciclistas que se havia distanciado do pelotão. Apesar das várias nações representadas, o duo cruzou a meta com 8s de vantagem, e a diferença cresceu progressivamente, sem uma perseguição eficiente. Com 25km, a diferença era já superior a 30s, e se o grupo perseguidor não acertasse o trabalho, iria ser difícil poder discutir o Ouro.

Apesar de um ou outro ataque ter acontecido na frente, a dupla continuou a trabalhar bem até final, e no grupo perseguidor as britânicas marcavam quaisquer tentativas de perseguição e de ataque, ajudando a que a vantagem aumentasse. Linda Riedmann e a finlandesa Anniina Ahtosalo bem que tentaram distanciar-se para ainda poderem chegar à frente, mas não tiveram sucesso.

Schmid e Backstedt entraram praticamente lado a lado no km final, com Schmid a querer mostrar a roda à britânica que comandava. A marcação foi apertada, mas Schmid lançou o sprint nos últimos 200m para surpreender Backstedt, mas a diferença corporal fez toda a diferença! Capaz de meter muito mais potência em cada pedalada, Backstedt ainda sentiu a concorrência da adversária, mas chegou naturalmente à vitória já nos últimos 25m, para conquistar um histórico Ouro Mundial!

O grupo perseguidor acabou por partir já dentro do km final, e num sprint reduzido a 7 ciclistas foi a alemã Linda Riedmann a levar a melhor e a conquistar o Bronze.

Portugal esteve representado com Sofia Gomes e com Beatriz Roxo, mas ambas as ciclistas foram apanhadas nas movimentações das britânicas. Ainda assim, Sofia Gomes rubricou a melhor prestação de uma Júnior Portuguesa na prova de fundo, terminando na 38ª posição, a 6:04 da vencedora. Beatriz Roxo foi 59ª a 6:28.

Classificações Completas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock