Van der Poel who else?

Mathieu van der Poel obteve a sua quinta vitória da temporada, depois de vencer a 2ª etapa da Volta a Suíça. O holandês bateu Maximilian Schachmann (Bora Hansgrohe) de forma convincente.

Van der Poel atacou de um grupo bastante já selectivo com 3,4 km para percorrer e parecia estar no caminho certo para uma vitória a solo depois de Jakob Fuglsang (Astana Premier Tech) não ter conseguido segurar a sua roda. Apenas Schachmann conseguiu montar uma perseguição consistente e eficiente, com o alemão a entrar em contacto com MVdP a 8km de distância. Contudo, quando van der Poel abriu o acelerador, não houve resposta, e Schachmann teve que contentar-se com o segundo lugar. Marc Hirschi liderou um grupo de candidatos quatro segundos mais tarde, com Julian Alaphilippe, Richard Carapaz, Michael Woods e Fuglsang terminando todos no mesmo tempo.

O líder da prova Stefan Küng (Groupama FDJ) conseguiu manter a sua camisola amarela por apenas um segundo sobre Alaphilippe, com Schachmann a subir à terceira posição.

Rui Costa, já dentro do último quilometro, teve uma vez mais uma infelicidade, caindo e perdendo a hipotese de lutar por um lugar no Top 10 da etapa. Na geral, Rui Costa não perdeu tempo, já que no momento da queda, estava com o líder da prova, ficando o mesmo tempo que Stefan Kung.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock