Super Wout Van Aert não dá hipótese à elevada concorrência e vence a Omloop Het Nieuwsblad!

O belga Wout Van Aert (Jumbo – Visma) venceu a Omloop Het Nieuwsblad, uma clássica de 204.2km entre Gent e Ninove, após um fantástico ataque a 13km da meta. O italiano, Campeão da Europa, Sonny Colbrelli (Bahrain Victorious) foi segundo e o belga Greg Van Avermaet (AG2R Citroen Team) terceiro, ambos a 22s.

A Omloop começou com diversas tentativas de ataque com Ben Healy (EF Education – EasyPost), Juri Hollman (Movistar Team), Alexander Konychev (Team BikeExchange – Jayco), Quentin Jauregui (B&B Hotels – KTM), Ruben Apers (Sport Vlaanderen – Baloise), Morten Hulgaard (Uno-X Pro Cycling Team) e Donovan Grondin (Team Arkéa Samsic) a formarem a fuga do dia. A 186km do fim, Mathijs Paasschens (Bingoal Pauwels Sauces WB) saiu do pelotão e perseguia os sete da frente.

A 164km do fim, a fuga tinha uma grande vantagem sobre o pelotão que era controlado pela Jumbo – Visma e pela Groupama – FDJ. A 137km do fim, a fuga tinha 4:30 de vantagem sobre Paasschens e 8:00 sobre o pelotão que era comandado pela Jumbo – Visma. 16km depois, a Quick-Step Alpha Vinyl Team aumentou o ritmo no pelotão.

A 80km do fim, a Jumbo – Visma voltou a aumentar o ritmo no pelotão. Victor Campenaerts (Lotto Soudal) furou e Michael Valgren (EF Education – EasyPost) teve um problema mecânico. 14km depois, a Ineos Grenadiers e a Jumbo – Visma aceleraram no pelotão. A vantagem da fuga era de 2:40 sobre o pelotão. A 56km depois, Campanaerts após reentrar no pelotão, o belga sofreu uma queda.

A 54km do fim, Florian Vermeersch (Lotto Soudal) e Loic Vliegen (Intermaché – Wanty – Gobert) conseguiram ganhar uma boa vantagem sobre o pelotão. No grupo da frente, Hollmann aumentou o ritmo. 4km depois, Stefan Kung (Groupama – FDJ) saiu do pelotão e juntou-se ao grupo perseguidor. A 44km do fim, os perseguidores juntaram-se à frente da corrida que passou a ser composta por nove ciclistas e tinham 1:00 de vantagem sobre o pelotão.

A 42km do fim, Campenaerts teve um problema mecânico. 1km depois, Alex Aranburu (Movistar Team) e Fernando Gaviria (UAE Team Emirates) sofreram uma queda. O colombiano acabou por abandonar após fraturar a clavícula. 10km depois, a Jumbo – Visma, a Quick-Step e a Bahrain Victorious aumentavam o ritmo na frente do pelotão.

A 29km da meta, Van Aert, Tiesj Benoot (Jumbo – Visma), Colbrelli, Tom Pidcock e Jhonatan Narvaez (Ineos Grenadiers) saíram do pelotão e perseguiam o grupo da frente. Em poucos kms, os cinco chegaram ao grupo da frente, que tinha uma boa vantagem sobre o pelotão, que era comandado pela Quick-Step. 8kms depois, Benoot atacou no grupo da frente e ninguém respondeu ao belga. No grupo da frente ninguém cooperava e foram alcançados pelo pelotão. Benoot tinha 30s de vantagem sobre o pelotão.

A 17km do fim, no Muur – Kapelmuur, Kung acelerou no pelotão e alcançaram Benoot. Um grupo com cerca de 22 ciclistas foi formado na frente da corrida. 3kms depois, Campenaerts e Olivier Naesen (AG2R Citroen Team) aceleraram no grupo perseguidor. Logo a seguir, mesmo antes da última subida, o Bosberg, van Aert atacou e ninguém conseguiu responder ao campeão belga. Van Aert conseguiu uma vantagem de 10s.

Km após km, Van Aert foi aumentando a sua vantagem e venceu assim, pela primeira vez na sua carreira, a Omloop Het Nieuwsblad. No grupo perseguidor, Colbrelli foi segundo após ser mais forte que van Avermaet, terceiro, nos metros finais. Campenaerts após um furo, uma queda e um problema mecânico, foi quinto.

O português Rui Oliveira (UAE Team Emirates) foi 64º a 1:30.

O Pódio Final

Pódio final com Sonny Colbrelli – Wout Van Aert – Greg Van Avermaet (da esqueda para a direita)

Classificações

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock