Super contrarrelógio de Ellen van Dijk dá liderança do Healthy Ageing Tour!

A holandesa Ellen van Dijk (Trek – Segafredo) venceu esta tarde o contrarrelógio individual do Healthy Ageing Tour, sendo a mais rápida num percurso de 14.4km entre Lauwersoog e Het Hogeland com um total de 20:53. Van Dijk foi a única abaixo dos 21 minutos e deixou a compatriota Amy Pieters (Team SD Worx) na segunda posição a 26s, e a alemã Lisa Brennauer (Ceratizit – WNT Pro Cycling) a 30s.

Num dia particularmente ventoso na região de Lauwersoog, o contrarrelógio da segunda etapa do Healthy Ageing Tour até esteve para não se realizar, mas acabou por sair para a estrada 4 horas depois do inicialmente previsto, com a etapa a arrancar às 15h de Portugal, ao invés do inicialmente previsto, pelas 11h de Portugal. O vento apareceu de forma bastante forte ao início da manhã, e era um risco para as corredoras saíram para a estrada naquelas condições, pelo que só quando o vento acalmou é que efetivamente pudemos ter prova. Ainda assim, o pelotão fez o percurso na sua bicicleta normal, ao invés da cabra, habitualmente utilizada em provas contra o cronómetro.

Os primeiros tempos de referência do dia saíram por parte de Hayley Simmonds (CAMS – Tifosi), Mieke Kroger (Germany National Team) e Shirin van Anrooij (Trek – Segafredo), que registaram marcas de 22:16, 22:12 e 22:24 respetivamente. O trio esteve ainda alguns minutos na frente até a alemã Hannah Ludwig (Canyon // SRAM Racing) ter subido à liderança com 22:01.

Quando o tempo vencedor parecia que ia estar na casa dos 21 minutos, e sem que Ludwig pudesse aquecer muito a cadeira quente, eis que Ellen van Dijk surgiu como um foguete e terminou em 20:53 um esforço individual de grande qualidade que a colocou na primeira posição. Com meio pelotão ainda para terminar, van Dijk teve de esperar cerca de 1 hora para que todas as ciclistas terminassem, e poder confirmar a vitória e liderança da classificação geral.

Pela positiva, destacar as exibições de Emma Cecilie Norsgaard (Movistar Team Women), e de Anna Henderson (Jumbo – Visma Women Team). A dinamarquesa da Movistar continua a impressionar com boas exibições e foi quarta classificada a 36s de van Dijk. Aos 21 anos, Norsgaard parece ser cada vez mais uma certeza para os próximos anos e a versatilidade que apresenta irá fazer dela uma ciclista com capacidade para brilhar em diversas frentes. Por outro lado, Henderson, que é apenas 1 ano mais velha foi nona a 1:03, e está a fazer um grande começo de temporada. Se em 2020 esteve mais apagada devido ao Covid-19, está agora a demonstrar todo o seu valor e o porquê de ter sido uma das apostas da formação de Marianne Vos.

Classificações

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock