Photofinish dá vitória a Molano na quarta etapa de Burgos!

O colombiano Sebastian Molano (UAE Team Emirates) venceu o seu segundo sprint na Vuelta a Burgos na quarta etapa da prova, batendo o espanhol Jon Aberasturi (Caja Rural – Seguros RGA) após 149km desde Roa e com final em Aranda de Duero, mas foi preciso chamar o fotógrafo para confirmar que tinha sido o colombiano a ganhar sobre Aberasturi na linha de chegada. O italiano Vincenzo Albanese (EOLO – Kometa) ficou na terceira posição.

A penúltima etapa da Vuelta a Burgos teve lugar sob um céu azul e com um tempo bastante quente. A fuga do dia formou-se logo nos primeiros metros da etapa, com Hugh Carthy (EF Education – Nippo) a ser o nome mais sonante. Ao britânico juntaram-se Mario Aparicio e Diego Rubio (Burgos – BH), Diego Pablo Sevilla e Marton Dina (EOLO – Kometa) e Mikel Bizkarra (Euskaltel – Euskadi). A Bora – Hansgrohe e a UAE Team Emirates controlaram o pelotão e não deram mais do que três minutos de vantagem aos escapados.

A partida desde Roa

Foi já nos últimos 40km que a Ineos Grenadiers aumentou o ritmo, à procura de partir o pelotão com o vento, mas tal não aconteceu. Com a corrida a tornar-se intensa, as quedas apareceram também, a 35km da meta, e o pelotão acabou por partir, mas calmamente o primeiro dos grupos esperou que o pelotão se reorganizasse. A vantagem dos escapados voltou a aumentar com o abrandar, mas a pouco menos de 30 km do final já seguiam apenas Carthy, Rubio e Dina na dianteira.

A 20km do fim, a AG2R, a Bora e a DSM assumiram o pelotão e a vantagem voltou a descer até os fugitivos ficarem à vista. Rubio tentou atacar e seguir em solitário, mas também não teve sucesso e a 6.4km o trio era alcançado pelo pelotão. Um pouco antes, com 8km para o fim, uma nova queda aconteceu, e desta vez com o terceiro classificado à geral envolvido, o italiano Domenico Pozzovivo (Team Qhubeka NextHash). O veterano já não conseguiria reentrar, devido à velocidade elevada a que o pelotão seguia e saltava assim para fora do pódio na classificação geral.

O sprint foi alfo estranho, sem nenhuma equipa a conseguir controlar as restantes, mas uma vez mais foi Matteo Trentin (UAE Team Emirates) a destacar-se e a encontrar o espaço para lançar o seu colega de equipa Molano, que finalizou uma vez mais com sucesso e deu a segunda vitória de etapa à UAE nesta edição da Vuelta a Burgos.

Romain Bardet (Team DSM) terminou em segurança no pelotão e mantem a liderança geral e da montanha. Sebastian Molano é o novo líder dos pontos e Santiago Buitrago (Bahrain Victorious) permanece como o melhor jovem.

Nelson Oliveira (Movistar) foi 68º a oito segundos, e segue em 39º da geral, a 6:30 de Bardet.

Classificações Completas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock