O regresso de Groenewegen às vitórias! Rui Oliveira 5º!

Dylan Groenewegen (Jumbo – Visma) abriu com uma vitória o Tour da Wallonie, na chegada a Héron, sendo a sua primeira vitória nesta época, um ano depois da queda na Polónia. O holandês bateu o francês Hugo Hofstetter (Israel Start-Up Nation) e o belga Gianni Vermeersch (Alpecin – Fenix), segundo e terceiro, respetivamente, por uma margem de mais de uma bicicleta.

Num final praticamente sem complexidade alguma, o pelotão absorveu a fuga que continha três corredores, um dos quais o sempre perigoso Andrea Vendrame (AG2R Citroen Team) e a Jumbo montou um comboio pronto a dar em vitória de Groenewegen. Rui Oliveira, um dos três lusos presente na prova, foi 5º, depois de lançar Kristoff, que apenas conseguiu ser 4º. André Carvalho, 47º, e Diogo Barbosa, 59º, chegaram dentro do pelotão.

A etapa de 185.7km teve passagem por quatro subidas de segunda categoria e três sprints intermédios, o que possibilitou muita movimentação ao longo da etapa, mesmo que sem nenhuma oportunidade clara para os fugitivos. Dentro do circuito final de Liege – Héron, Stan Dewulf (AG2R Citroën Team) e Jenthe Biermans (Israel Start-Up Nation) tentaram escapar, mas o pelotão deu-lhes um máximo de 45 segundos de diferença.

Depois o trio compost por Andrea Vendrame (AG2R Citroën Team), Andrea Bagioli (Deceuninck – Quick Step), e Rasmus Tiller (Uno-X Pro Cycling) tentou também a sua sorte, mas nunca alcançou mais do que dois minutos, acabando por perder as aspirações a cerca de 5km da meta. John Degenkolb (Lotto Soudal) teve um furo já perto do final e foi um dos azarados do dia ao não poder discutir o sprint.

Classificações Completas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Nem um empurrão de Serrano tirou a primeira vitória profissional de Edward Planckaert!

Edward Planckaert (Alpecin-Fenix) ganhou a primeira etapa da Vuelta a Burgos, batendo Gonzalo Serrano (Movistar) sobre a linha de meta, mesmo depois de ter levado um empurrão do espanhol. Numa chegada coincidente com uma rampa em Burgos, uma aceleração de Romain Bardet (Team DSM) com quatro corredores foi sucificente para abrir uma brecha, e quintento […]

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock