Marta Bastianelli entra a vencer no Women’s Tour!

Marta Bastianelli (Alé BTC Ljubljana) venceu ao sprint a primeira etapa do Women’s Tour, na Grá Bretanha, e é a primeira líder da prova.

A corrida com quase 150kms que ligou Bicester a Banbury foi discutida, como era previsivel, ao sprint com o pelotão compacto.

A italiana que foi 5ª no sábado na primeira edição do Paris Roubaix Femmes, lugar que conquistou ao sprint, entra agora a vencer na prova britânica do calendário de World Tour. Bateu Chloe Hosking (Trek-Segafredo) e Clara Copponi (FDJ Nouvelle-Aquitaine Futuroscope) que tiveram que se contentar com a 2ª e 3ª posição da etapa.

Começando em Bicester, a etapa passou por Oxfordshire durante 147,7 quilómetros para terminar em Banbury após uma volta e meia de circuito. A etapa incluiu dois sprints intermédios e três contagens de montanha ao longo do percurso. Apesar de alguns ataques, o pelotão permaneceu junto durante muito tempo, e Nina Kessler (Team TIBCO-Silicon Valley Bank) venceu a campeã australiana Sarah Roy (Team BikeExchange) no primeiro sprint intermédio ao km 41.

Anna Christian (Drops-Le Col s/b Tempur) e Kirstie van Haaften (Parkhotel Valkenburg) afastaram-se do pelotão pouco depois, mas a sua vantagem nunca foi superior a 15 segundos, e voltaram rapidamente a ser engolidas no pelotão. À medida que o percurso se tornou mais montanhosa, Janneke Ensing (Team BikeExchange) atacou, mantendo uma vantagem de até 35 segundos. Ensing ganhou a montanha em Iron Down Hill, com a campeã canadiana Alison Jackson (Liv Racing) e Demi Vollering a liderar o pelotão e a tentar alcançar a holandesa fugitiva.

Tendo chegado ao circuito final, Vollering e Elise Chabbey (Canyon-SRAM) deram um peqeno esticão no pelotão, mas sem sucesso. De seguida ao ataque foram Chiara Consonni (Valcar-Travel & Service) e Femke Markus (Parkhotel Valkenburg) e na 2ª contagem de montanha Sibford Ferris, tinham uma vantagem de 12 segundos sobre o pelotão liderado por Chabbey, mas foram apanhados pouco depois.

Após vários ataques sem sucesso, foi Christian que escapou novamente pouco antes da primeira passagem da linha de meta. Com cerca de 20 segundos de vantagem, a corredora foi alcançada antes do segundo sprint intermédio, ganho por Kessler à frente de Jackson e Roy.

O ritmo foi elevado na segunda subida de Sibford Ferris, a terceira e última subida final do dia, e um grupo de cinco altetas disputou os pontos de montanha: Chabbey, Juliette Labous (Team DSM), a dupla Team SD Worx de Vollering e Amy Pieters, e Soraya Paladin (Liv Racing), abrindo um brecha entre elas e o pelotão. A 5kms tinha cerca de 30 segundos, no entanto, as equipas de sprinters vieram à tona na final, reduzindo o intervalo para quatro segundos um quilómetro mais tarde e apanhando o grupo da frente a três quilómetros Rudo estava pronto para o sprint de massa em que Bastianelli tinha a vantagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock