Lorena Wiebes imparável conquista a primeira vitória no Giro!

A holandesa Lorena Wiebes (Team DSM) venceu a quinta etapa do Giro d’Itália Donne, uma ligação de 119.6km entre Milão e Carugate, batendo ao sprint a dinamarquesa Emma Norsgaard (Movistar Women) e a compatriota Marianne Vos (Jumbo – Visma) com um portentoso sprint que lhe deu a primeira vitória da carreira no Giro, naquela que é também a sua primeira participação!

No primeiro dia mais tranquilo deste Giro feminino em termos de traçado, a jornada começou de forma bastante rápida, com a primeira hora de corrida a ver serem percorridos 40.3km, sem que ninguém conseguisse escapar do pelotão e formar a fuga do dia. O vento ainda gerou um pequeno corte ao km 44, mas não houve chance para que a corrida partisse e rapidamente tudo voltou a rolar compacto em direção a Carugate.

Pouco após o km 50, os ataques começaram a surgir, com seis ciclistas a ganharem vantagem ao pelotão e a formarem assim a escapada do dia. Maria Novolodskaya (AR Monex Women’s), Silvia Zanardi e Matilde Vitillo (BePink), Noemi Eremita (Isolmant – Premac – Vittoria), Giorgia Vettorello (Top Girls Fassa Bortolo) e Federica Piergiovanni (Valcar – Travel & Service) conseguiram obter uma vantagem que chegou a ser superior aos dois minutos, com cerca de 50km para a chegada.

Uma queda deu-se a cerca de 40km para a meta, obrigando ao abandono de Krista Doebel-Hickok (Rally Cycling). A Movistar e a Arkea foram as equipas que se uniram na perseguição, com a diferença a começar a cair progressivamente e o final ao sprint que era previsto a ser cada vez mais esperado. A DSM juntou-se também na fase final, contribuindo significativamente para o alcançar da fuga, com Novolodskaya a ser a última resistente, mas a não conseguir refutar o destino e a ser absorvida pelo pelotão com 4km para a meta.

O nervosisimo gerou novas quedas, desta vez a 6km da chegada, com Ruth Winder (Trek – Segafredo), a primeira líder da geral, a ser uma das envolvidas. A Canyon assumiu os kms finais até à meta, mas a DSM surgiu com tudo à entrada do último km, tomou a dianteira do pelotão sem permitir que qualquer equipa lhes fizesse frente, e lançou o seu comboio com Leah Kirchmann e Coryn Rivera a lançarem Lorena Wiebes para mais uma incrível vitória. Emma Norsgaard foi a única a conseguir acompanhar a holandesa, mas não teve pernas para sequer lhe poder sair da roda e teve de se contentar com a segunda posição.

Anna van der Breggen (Team SD Worx) chegou integrada no pelotão e permanece como líder da classificação geral e dos pontos. Niamh Fisher-Black (Team SD Worx) é a melhor jovem e Elise Chabbey (Canyon // SRAM Racing) lidera a classificação das trepadoras.

Classificações Completas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock