Kaden Groves impôs o seu sprint para ser líder na Turquia!

O australiano Kaden Groves (BikeExchange – Jayco) venceu a segunda etapa do Tour of Turkey e assumiu a liderança da classificação geral, sendo o mais rápido após 158km que ligaram Selcuk a Alacati, batendo ao sprint, a alta velocidade, o belga Jasper Philipsen (Alpecin – Fenix) e o irlandês Sam Bennett (Bora-Hansgrohe). O líder e vencedor da primeira tirada, Caleb Ewan (Lotto Soudal), não foi além da quinta posição, ficando atrás de Cees Bol (Team DSM).

A segunda etapa na Turquia foi animada por uma fuga de oito elementos com Jon Barrenetxea (Caja Rural – Seguros RGA), Peio Goikoetxea (Euskaltel – Euskadi), Angel Fuentes (Burgos – BH), Julian Lino (Bike Aid), Noah Granigan (Wildlife Generation Pro Cycling), Cristian Raileanu (Sakarya BB Pro Team), Oleksandr Prevar (Spor Toto Cycling Team) e Nicolas Sessler (Saris Rouvy Sauerland Team). A vantagem dos escapados nunca foi superior aos 3:00, com a Lotto Soudal e a Alpecin – Fenix a controlarem as diferenças para que pudessem discutir o final ao sprint com os seus líderes.

A 61km do fim, um espectador acabou por provocar uma queda, envolvendo quatro homens, um deles Nacer Bouhanni (Arkea Samsic), que acabou por abandonar com uma fratura numa vértebra cervical que o manterá afastado da competição por algum tempo. O espanhol Manuel Peñalver (Burgos – BH) ficou também bastante afetado e não conseguiu prosseguir em corrida. A 38km do fim, Nairo Quintana (Arkea Samsic) e Jay Vine (Alpecin – Fenix), dois candidatos à geral, sofreram também uma queda, na única subida do dia, mas conseguiram recompor-se rapidamente e regressaram sem problemas ao pelotão.

Com 30km para o fim, o vento apareceu e também a batalha pelo posicionamento, com várias tentativas de provocar cortes importantes. O pelotão chegou a estar partido, mas voltou a unir-se 1km depois, quando o vento acabou por desaparecer com uma viragem no sentido da estrada. As quedas foram também sucedendo e Quintana voltou a ir ao chão, a 3.3km do fim, fora da zona de controlo, e ficou visivelmente marcado do seu lado esquerdo, tendo terminado, depois, a 1:44 do vencedor.

A Lotto Soudal e a BikeExchange – Jayco assumiram o km final para lançar o sprint, e Jasper de Buyst (Lotto Soudal) cumpriu o seu papel na perfeição, colocando Ewan em posição privilegiada para procurar a vitória. O australiano arrancou a 150m do fim, mas já estava vazio e não teve forças para discutir a vitória. Foi Kaden Groves quem aproveitou da melhor forma a situação, batendo Jasper Philipsen para conquistar a segunda vitória da temporada.

Com o triunfo, Groves é o novo líder da classificação geral e dos pontos, enquanto Noah Granigan é o novo líder da montanha e dos sprints intermédios. A Israel – Premier Tech lidera coletivamente.

Iuri Leitão (Caja Rural – Seguros RGA) foi 21º na etapa, depois de ter ficado sem colegas de equipa para o lançarem nos últimos 2km.

Chegada ao Sprint

Classificações

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock