Elizabeth Banks triunfa na primeira fuga de sucesso!

A britânica Elizabeth Banks (Equipe Paule Ka) venceu a quarta etapa do Giro Rosa, uma ligação de 170.3 km entre Assisi e Tivoli, batendo a sua companheira de fuga, a eslovena Eugenia Bujak (Ale BTC Ljubljana) por 7 segundos, e a líder Annemiek van Vleuten (Mitchelton – Scott) por 1:10.

O dia começou com o ataque de Ruth Winder (Trek – Segafredo) a suceder, com a norte-americana a ter a vantagem muito tempo estabilizada nos 30s, mas a ser trazida de volta para o pelotão com 115km por percorrer. Na luta pela única contagem do dia, uma terceira categoria já na fase ondulada do percurso, Cecilie Uttrup Ludwig (FDJ Nouvelle Aquitaine Futuroscope) atacou para bater Kasia Niewiadoma (Canyon – SRAM), e aumentar a vantagem na classificação das trepadoras.

A 86kms do final, ataque de Elizabeth Banks (Equipe Paule Ka) e Eugenia Bujak (Ale BTC Ljubljana), que foram ganhando vantagem ao pelotão até deterem cerca de 6 minutos de avanço, com 40km para o final. Os kms foram passando e a vantagem não caía, com o duo a entrar nos 10kms finais com 5 minutos de vantagem.

Os 2 últimos kms eram em subida em paralelo, com 7.9% de pendente média, e incrivelmente não categorizados. Na frente, Banks aguardou o momento certo para descarregar Bujak, e foi para a vitória, a primeira da temporada, depois de, também em fuga, ter perdido o GP Plouay para Lizzie Deignan. Mais atrás, o pelotão vinha-se a aproximar, e foi a camisola rosa a atacar na subida, e a ganhar mais tempo às rivais, com Elisa Longo e Kasia Niewiadoma a serem as únicas que perderam 15 ou menos segundos. A nota menos boa vai para Anna van der Breggen, que perdeu 37s e caiu para terceira na classificação geral.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Nem um empurrão de Serrano tirou a primeira vitória profissional de Edward Planckaert!

Edward Planckaert (Alpecin-Fenix) ganhou a primeira etapa da Vuelta a Burgos, batendo Gonzalo Serrano (Movistar) sobre a linha de meta, mesmo depois de ter levado um empurrão do espanhol. Numa chegada coincidente com uma rampa em Burgos, uma aceleração de Romain Bardet (Team DSM) com quatro corredores foi sucificente para abrir uma brecha, e quintento […]

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock