Danny van Poppel vence pela primeira vez em 2021 na Egmont Cycling Race!

O holandês Danny van Poppel (Intermarche – Wanty – Gobert) venceu a 86ª Egmont Cycling Race, anterior GP Zottegem, clássica belga de 192.3km corrida, precisamente na mesma região que dava nome à corrida, batendo ao sprint os italianos Niccolo Bonifazio (Team TotalEnergies) e Luza Mozzato (B&B Hotels p/b KTM).

Longe de trazer um percurso totalmente plano, a clássica de Egmont apresentou-se ao pelotão com alguns setores de pavê e algumas rampas que poderiam partir a corrida e fazer uma importante seleção. Só ao km 37 é que a fuga do dia surgiu com Loe van Belle (Jumbo – Visma Development), Thomas Mijnsbergen (Metec – Solarwat p/b Mantel), Nick van der Meer (VolkerWessels Cycling Team), Alex Colman (Sport Vlaanderen – Baloise), Michiel Stockman (Team SKS Sauerland NRW) e Luca Dreßler (Team Lotto – Kern Haus) a conseguirem ganhar cinco minutos ao pelotão.

O pelotão rodou sempre a um ritmo muito alto, e com 80km para o fim já tinha os ciclistas adiantados a apenas 2min de distância, para prevenir qualquer tipo de surpresas. Com isto, os ataques para endurecer a corrida acabaram por acontecer naturalmente, com Bonifazio e o companheiro de equipa Chris Lawless a escaparem, com cinco ciclistas na sua roda, mas o pelotão alcançou-os pouco depois.

A 57km do fim já não havia fuga e foi a Bingoal Pauwels Sauces WB a assumir a dianteira. O pelotão permaneceu compacto durante mais de meia hora, mas a 23km do fim os ataques voltaram a surgir, com Joshua Huppertz (Team Lotto – Kern Haus), Rune Herregodts (Sport Vlaanderen – Baloise) e Patrick Haller (Leopard Pro Cycling) a conseguirem uma vantagem de 15s sobre o pelotão. Baptiste Planckaert (Intermarche – Wanty – Gobert) conseguiria fazer a ponte, mas o grupo estava alcançado a pouco menos de 20km da chegada.

A Bingoal voltou a tomar conta do pelotão para os kms finais, mas não conseguiria alcançar a vitória, nem com Timothy Dupont, nem com Milan Menten, e foi o holandês Danny van Poppel a surgir com um grandíssimo sprint para bater Bonifazio e Mozzato sobre o risco de meta, e assim começar a despedir-se da formação belga com um excelente triunfo.

Classificações Completas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock