Bonifazio vence pela primeira vez em 2021 no GP Jef Scherens!

O italiano Niccolo Bonifazio (Team TotalEnergies) venceu o 55º GP Jef Scherens, clássica Belga de 190km, batendo ao sprint o francês Nacer Bouhanni (Arkea Samsic) e o belga Gianni Vermeersch (Alpecin – Fenix) após mais de 4h de corrida. É a segunda vitória de Bonifazio na corrida, após o ter feito já em 2019, na última edição realizada, já que em 2020 a prova teve de ser cancelada devido ao Covid-19.

A corrida começou com a rápida formação da fuga do dia com Dimitri Peyskens (Bingoal Pauwels Sauces WB), Jens Reynders (Sport Vlaanderen – Baloise), Milan Paulus (SEG Racing Academy) and Dylan Bouwmans (Metec – Solarwatt p/b Mantel). O pelotão controlou a escapada, sempre com as equipas com os melhores sprinters na frente, nunca dando mais de quatro minutos aos aventureiros do dia.

A corrida seguiu de forma tranquila até os ataques terem surgido na frente. Paulus e Peyskens tentaram distanciar-se, mas sem sucesso, e isso acabou por destruir a harmonia na frente. Com 9km a distância era já de apenas 9s, e o grupo acabou por ser rapidamente alcançado.

Aime de Gendt (Intermarche – Wanty – Gobert) ainda esboçou um ataque no pelotão, levando consigo Vermeersch e Bram Welten (Arkea – Samsic), mas também sem sucesso, e o pelotão encaminhou-se para um sprint massivo. Ainda assim, os ataques serviram para desorganizar o pelotão, Tim Merlier (Alpecin – Fenix) perdeu a sua roda, e o sprint lançou-se com Bonifazio a bater Bouhanni sobre o risco de meta.

Pedro Andrade (Hagens Berman – Axeon) foi 94º a 12:20.

Classificações Completas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock