Andre Greipel é o grande vencedor da 4ª etapa da Andaluzia!

Que saudades de Andre Greipel e o seu sprint fulminante! Depois de um belo trabalho da equipa Israel Start-Up Nation, Greipel passou por Alex Kirsch (Trek-Segafredo) e Alexander Kristoff (Emirados Árabes Unidos) para vencer o sprint.

Atrás dele, Álvaro Hodeg (Deceuninck-QuickStep) e Mads Pedersen (Trek-Segafredo) completaram os lugares do pódio.

Para Greipel, foi um resultado que marca a continuação de um renascimento tardio da carreira, após a sua vitória no Trofeo Alcudia-Port d’Alcudia na semana passada, um resultado que pôs fim mais de dois anos sem uma vitória.

Greipel foi rápido a elogiar os seus companheiros de equipa no final, que tiveram a melhor classificação na final.

O que tornou esta vitória tão impressionante para Greipel foi o padrão da oposição que ele teve de superar. Enquanto Kristoff foi o único grande nome que teve de ultrapassar para vencer no Trofeo Alcudia-Port d’Alcudia, desta vez ele não só ultrapassou o norueguês como também derrotou o antigo campeão mundial Pedersen, bem como o Hodeg de Deceuninck-QuickStep, posicionando-se melhor na final sinuosa e segurando confortavelmente os seus últimos surtos.

Rui Oliveira, que tinha perdido a classificação da montanha devido a uma penalização, permanece na 2ª posição. Amanhã haverá 12 pontos para distribuir, sendo o máximo possível de 6 que o corredor português poderá alcançar. Luis Angel Mate é o líder com mais 3 pontos que Rui.

A subida final, a 5kms da meta deverá retirar a possibilidade de um sprint compacto, mas a liderança de Miguel Angel Lopez não deverá ficar ameaçada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock