Abelhas assassinas voltam a picar e Wout van Aert é o novo líder do Paris – Nice!

As abelhas assassinas da Jumbo – Visma voltaram a picar na quarta etapa do Paris – Nice, com Wout van Aert (Jumbo – Visma) a vencer o contrarrelógio individual de 13.4km entre Domérat e Montluçon, com um tempo de 16:20, batendo os colegas de equipa, Primoz Roglic (Jumbo – Visma) e Rohan Dennis (Jumbo – Visma), por 2s e 6s, respetivamente.

Em dia de contrarrelógio neste Paris – Nice, foi Rohan Dennis o primeiro a marcar um grande tempo de referência, em 16:26, ele que foi um dos primeiros a sair para a estrada, e que acabou por assumir a cadeira quente durante quase toda a jornada. Vários foram os ciclistas que tentaram bater o australiano, com Stefan Kung (Groupama – FDJ) a ficar muito próximo, concluindo em 16:30, e Ethan Hayter (INEOS Grenadiers) em 16:34.

Entre os principais candidatos à geral, João Almeida (UAE Team Emirates) terminou em 17:07, ficando talvez um pouco aquém do esperado, mas o Campeão Nacional da especialidade também referiu ter sentido alguma fadiga durante a prova e isso certamente se refletiu na sua prestação. Simon Yates (BikeExchange – Jayco) foi a maior das surpresas, cumprindo em 16:31, no quinto melhor tempo do dia, para ganhar bastante tempo a alguns dos principais adversários! Pierre Latour (TotalEnergies) e Daniel Martinez (INEOS Grenadiers) fecharam também nos dez primeiros, em 16:39 e 16:48, respetivamente.

Aleksandr Vlasov (Bora – Hansgrohe) também se destacou, com 16:51, enquanto Adam Yates (INEOS Grenadiers) e Bauke Mollema (Trek – Segafredo) terminaram ligeiramente melhor que Almeida, em 17:03. Jack Haig (Bahrain Victorious) surpreendeu pela negativa, terminando em apenas 17:27, um tempo próximo de Nairo Quintana (Arkea – Samsic), em 17:37, e Guillaume Martin (Cofidis), em 17:39. Já longe da luta pela geral, devido a queda, David Gaudu (Groupama – FDJ) fez o último tempo, em 20:01, poupando forças para atacar as etapas de montanha que se avizinham!

Os últimos três homens na estrada prometiam fazer mexer na frente da corrida, e assim foi, com Primoz Roglic a bater o tempo de Dennis e a terminar com 16:22! Logo a seguir chegou Wout van Aert, em 16:20, colocando-se na primeira posição e virtual camisola amarela. O líder da geral, Christophe Laporte (Jumbo – Visma) fechou na 11ª posição, a 29s do vencedor, e cedeu a camisola amarela, depois de um início de temporada de sonho com as novas cores da equipa neerlandesa.

Com o triunfo, Wout van Aert sobe à liderança da geral, classificação que partilha com a da regularidade, que amanhã irá no corpo de Mads Pedersen (Trek – Segafredo). Matthew Holmes (Lotto Soudal) é o líder da montanha e Stefan Bissegger (EF Education – EasyPost) o melhor jovem.

Classificações

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock