Lotta Henttala vence etapa 1 da Vuelta a Burgos Feminas, marcada por queda feia no final!

A finlandesa Lotte Henttala (EF Education – Cannondale) venceu a primeira etapa da Vuelta a Burgos Feminas, uma ligação de 123,2km com partida e chegada em Burgos, após passar, nos últimos metros, a campeã austríaca Carina Schrempf (Fenix – Deceuninck). A neerlandesa Lorena Wiebes (Team SD Worx-Protime) fechou o pódio.

Início com um ritmo alto e cortes, mas fuga consegue formar-se

A primeira etapa da Vuelta a Burgos Feminas começou com um ritmo alto. A 112km do fim, algumas ciclistas tentaram sair do pelotão, mas sem sucesso. 18km depois, um grupo de onze ciclistas conseguiu isolar-se na frente da corrida. A 86km do fim, o grupo da frente acabou por ser alcançado. 15km depois, na primeira contagem do dia, Giorgia Vettorello (Roland) foi a primeira a passar no topo.

A 60km do fim, echelons acabaram por acontecer no pelotão. 6km depois, Katrine Aalerud (Uno-X Mobility) atacou e conseguiu isolar-se na frente da corrida. A 50km do fim, o segundo pelotão juntou-se ao primeiro. 11km depois, na segunda contagem do dia, Aalerud foi a primeira a passar no topo. A norueguesa tinha uma vantagem de 2:40 sobre o pelotão.

Fim da aventura de Katrine Aalerud

A 23km do fim, Claire Steels (Movistar Team) atacou e tentava fazer a ponte para Aalerud. 6km depois, na última contagem do dias, Aalerud foi a primeira a passar no topo. Pauliena Rooijakkers (Fenix – Deceuninck) ficou envolvida numa queda, mas conseguiu reentrar no pelotão. A 15km da meta, Steels foi alcançada pelo pelotão. Logo a seguir, no sprint intermédio do dia, Aalerud foi buscar a bonificação máxima.

A 10km da meta, a Team SD Worx-Protime aumentou o ritmo do pelotão com Demi Vollering e Marlen Reusser e provocaram com que o grupo perdesse algumas unidades. 6km depois, Agnieszka Skalniak-Sójka (Canyon//SRAM Racing) atacou, mas foi rapidamente alcançada. A cerca de 2.5km para a meta, Aalerud foi alcançada pelo pelotão.

Caótico final com queda feia de duas favoritas para o dia de hoje

A 1.8km da meta, Carina Schrempf atacou e conseguiu uma boa vantagem sobre o pelotão. Nos últimos kms, várias equipas lutavam pelo pelotão e tentavam alcançar a austríaca. A 150 metros depois, Sofia Bertizzolo (UAE Team ADQ) e Elisa Balsamo (Lidl – Trek) tocaram uma na outra e sofreram uma queda feia com as outras barreiras. Felizmente, as duas conseguiram cruzar a linha de meta, mas poderão não partir amanhã. Lorena Wiebes e Megan Jastrab (Team DSM-Firmenich PostNL) escaparam por pouco à queda, mas perderam lugares importantes para o sprint.

A 100 metros da meta, Lotta Henttala lançou o sprint final. Nos últimos metros, a finlandesa conseguiu passar Schrempf para vencer assim a etapa 1 da Vuelta a Burgos Feminas. Lorena Wiebes ainda recuperou e conseguiu ser mais forte que Elise Chabbey (Canyon//SRAM Racing) com o esticar da bicicleta para ser assim terceira.

Lotta Henttala é a primeira líder da classificação geral e da classificação por pontos da Vuelta a Burgos Feminas. Megan Jastrab é a melhor jovem e Katrine Aalerud é a primeira líder da classificação da montanha. A EF Education – Cannondale é a melhor equipa.

Lotta Henttala é a primeira líder da Vuelta a Burgos Feminas
Lotta Henttala é a primeira líder da Vuelta a Burgos Feminas

Classificações

Results powered by FirstCycling.com

Fotos: Getty Images

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock