Marc Soler vence em fuga a etapa 5 da Vuelta! Rudy Molard é o novo líder da geral!

O espanhol Marc Soler (UAE Team Emirates) venceu a quinta etapa da La Vuelta a España, uma ligação de 187.2km entre Irun e Bilbao, após protagonizar um grande ataque a 15km da meta. O sul-africano Daryl Impey (Israel – Premier Tech) foi segundo e o britânico Fred Wright (Bahrain Victorious) terceiro.

A quinta etapa começou com diversas tentativas de ataque mas nenhuma delas teve sucesso. A 175km do fim, Ethan Hayter (Ineos Grenadiers) atacou e ficou isolado na frente da corrida. 1km depois, Rein Taaramae (Intermaché – Wanty – Gobert), Mark Donovan (Team DSM), Simon Gugliemi (Team Arkéa – Samsic) e Ibai Azurmendi (Euskaltel – Euskadi) saltaram do pelotão e tentavam chegar a Hayter.

A 171km do fim, os quatro perseguidores foram alcançados pelo pelotão. 4km depois, Hayter foi alcançado pelo pelotão que era comandado pela Jumbo – Visma. Logo a seguir, Harry Sweeny (Lotto Soudal) tentou sair do pelotão mas o australiano não teve sucesso. A 150km do fim, vários ataques aconteceram no pelotão mas nenhum deles foi suficiente para formar a fuga do dia. 23km depois, mais ataques aconteceram no pelotão mas nenhum deles teve sucesso.

A 125km do fim, Mads Pedersen (Trek – Segafredo) atacou e ficou isolado na frente da corrida. 1km depois, o dinamarquês foi alcançado pelo pelotão. A 115km do fim, Fred Wright, Lawson Craddock (Team BikeExchange – Jayco), Jaakko Hanninen (AG2R Citroen Team), Roger Adria (Equipo Kern Pharma), Jake Stewart (Groupama – FDJ), Fausto Masnada (Quick-Step Alpha Vinyl Team), Gregor Muhlberger (Movistar Team), Alessandro De Marchi (Israel – Premier Tech) e Victor Langellotti (Burgos-BH) saíram do pelotão e formaram a fuga do dia.

A 109km do fim, Rudy Molard (Groupama – FDJ), Anthony Delaplace (Team Arkéa – Samsic), Vadim Pronskiy (Astana Qazaqstan Team), Nikias Arndt (Team DSM) e Julius Johansen (Intermaché – Wanty – Gobert) saltaram do pelotão e juntaram-se ao grupo da frente. 3km depois, Jonathan Caicedo (EF Education-EasyPost), Daryl Impey, Kamil Malecki (Lotto Soudal) e Azurmendi saíram do pelotão e tentavam chegar aos catorze da frente.

A 94km do fim, Marc Soler (UAE Team Emirates) atacou e tentava juntar-se ao grupo da frente. 2km depois, Impey, Malecki, Caicedo e Azurmendi juntaram-se ao grupo da frente. Na entrada da primeira contagem do dia, Hanninen caiu e o finlandês foi alcançado pelo pelotão. A 89km do fim, na primeira contagem do dia, Langellotti foi o primeiro a passar no alto. 2km depois, Soler juntou-se ao grupo da frente. A 83km do fim, na segunda contagem do dia, Langellotti foi o primeiro a passar no topo. A fuga tinha uma vantagem de 2:20 sobre o pelotão.

A 62km do fim, na terceira contagem do dia, Langellotti foi novamente o primeiro a passar no topo. 17km depois, Craddock atacou e ficou isolado na frente da corrida. A 43km do fim, na quarta contagem do dia, o norte-americano foi o primeiro a passar no alto. Logo a seguir, Langellotti atacou e juntou-se a Craddock na frente da corrida. A 35km do fim, Pronskiy, Wright, Molard, Stewart, Impey, Muhlberger, Masnada, Arndt, Soler e Adria juntaram-se aos dois da frente. 6km depois, no sprint intermédio, Langellotti foi o mais forte.

A 24km do fim, Stewart atacou e ficou isolado na frente da corrida. 6km depois, Adria tentou sair do grupo perseguidor, mas o espanhol não teve sucesso. Uns metros depois, Soler perdeu o contacto com o grupo perseguidor. A 16km da meta, Soler reentrou no grupo perseguidor e atacou e ninguém seguiu o ataque do espanhol. 1km depois, Soler chegou a Stewart e atacou e ficou isolado na frente da corrida. A 12km da meta, na última contagem do dia, Soler foi buscar a pontuação máxima e 3s de bonificação. Molard foi buscar 2s de bonificação.

A 10km da meta, Soler tinha 10s de vantagem sobre Molard, Langellotti, Wright e Pronskiy. 2km depois, Craddock e Stewart alcançaram os quatro perseguidores. Uns metros depois, Stewart não conseguia seguir o ritmo elevado e o britânico teve de tirar pé. A 3km da meta, Impey, Muhlberger, Adria, Arndt e Masnada juntaram-se aos perseguidores. 2km depois, Masnada e Muhlberger atacaram mas Wright conseguiu fechar o espaço a 600 metros da meta. O grupo perseguidor começou a marcar-se e com isso Soler conseguiu aguentar na frente da corrida e o espanhol venceu assim pela primeira vez numa grande volta. Impey foi segundo e Wright terceiro.

Os portugueses Nelson Oliveira (Movistar Team) e João Almeida (UAE Team Emirates) chegaram no pelotão e foram 20º e 66, respetivamente, ambos a 5:09. Ivo Oliveira (UAE Team Emirates) foi 157º a 16:47.

Molard é o novo líder da classificação geral por apenas 2s de vantagem sobre Wright. O britânico é o novo líder da juventude. Langellotti é o novo líder da classificação da montanha. Sam Bennett (Bora – Hansgrohe) manteve a liderança da classificação por pontos.

Rudy Molard é o novo líder da geral

Classificações

Results powered by FirstCycling.com

Classificações do Passatempo

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock