Entrevistas a Rafael Reis, Maurício Moreira e a Rúben Pereira, da Glassdrive – Q8 – Anicolor!

A 83ª Volta a Portugal Continente tem assistido a uma grande supremacia da Glassdrive – Q8 – Anicolor, que já venceu duas etapas e que veste a camisola amarela desde o primeiro dia. Após a chegada a Viseu da etapa 4, estivemos à conversa com os dois ciclistas que vestiram a camisola da liderança, e também com o diretor desportivo da equipa de Águeda!

Primeiro, fomos falar com o vencedor do prólogo, Rafael Reis, para sabermos um pouco da sua Volta até ao momento.

Ciclismo Mundial (CM): Começaste a Volta a Portugal com a vitória no prólogo e conseguiste aguentar a amarela até ontem. Quais foram os sentimentos? 

Rafael Reis (RR): Foi muito bom. Já não é a primeira vez. Fiz o meu trabalho e fiz o que tinha de fazer para agarrar a camisola, pelo menos até à etapa da Torre, e acabámos por ontem conseguir conquistar a amarela com o Maurício, que era o nosso objetivo, e estamos contentes por isso. 

CM: E a equipa está a levar a 100% a luta que estão a travar desde o início da Volta? Estão a ir melhor ou pior que o esperado? 

RR: Acho que está à vista de todos. E isso que estás a perguntar não há dúvidas e vamos tentar fazer isto até ao fim. 

CM: Quais são os teus objectivos até ao final da Volta? 

Rafael Reis (RR): Era a vitória hoje na etapa, que não era tão dura quanto isso, mas não deu. 

De seguida, fomos parabenizar o homem do momento, o uruguaio Maurício Moreira, pela vitória no alto da Torre e pela conquista da tão desejada camisola amarela, e estivemos um pouco à conversa.

CM: Maurício, parabéns pela etapa e pela camisola amarela que conquistaste ontem. Qual era o plano para a etapa de ontem?

MM: Primeiro de tudo, obrigado! O plano de ontem foi o estabelecido pela equipa, o que tínhamos falado, sendo o objetivo que a camisola amarela ficasse na equipa, e felizmente ficou em mim, graças à equipa toda e ao trabalho do Fred. Agora é defendê-la e dar o melhor possível.

CM: Achas que estás num bom momento de forma para defenderes a amarela nas etapas que restam?

MM: Sim, sem dúvidas que estou num bom momento de forma, encontro-me bem. A Volta é muito longa e ainda tem muitas etapas pela frente, assim que não vou dar isto por ganho, só mesmo no último dia.

CM: Achas que as etapas restantes se adaptam ao teu perfil e que te vais defender da melhor maneira possível até Gaia?

MM: Acho que sim. Ficam 2 etapas que acho que são muito importantes, Miranda do Corvo e a Senhora da Graça. Na Senhora da Graça felizmente consegui ganhar o ano passado, e em Miranda do Corvo é uma etapa que é nova e que praticamente ninguém conhece, mas é muito dura. Estou num bom momento de forma, posso defender-me, e sem dúvidas que o crono de Porto – Gaia é um contra-relógio duro, mas o contra-relógio é um dos pontos fortes que eu tenho e aí acho que me consigo defender.

Maurício Moreira, Rúben Pereira e Rafael Reis no pódio após o prólogo de Lisboa!

Para vermos a visão geral da moral da equipa e da forma na qual a equipa se apresenta, fomos falar com o diretor desportivo da Glassdrive – Q8 – Anicolor, Rúben Pereira.

CM: Qual era o plano da equipa desde que começou a Volta a Portugal?

Rúben Pereira (RP): O objetivo da equipa era sempre fazer o melhor possível e ir marcar logo a diferença logo no prólogo. Sabíamos que o Rafael era candidato, e isso aconteceu e as coisas acabaram por correr bem.

CM: Depois da etapa de ontem, que foi um dia fantástico para a equipa, vencendo e acabando com 3 homens nos 6 primeiros, qual a motivação que essa etapa deu para a equipa?

RP: Dá uma motivação muito boa, e para o grupo isso é muito bom. Toda a equipa esteve bem, sabemos que era uma etapa em que não se joga a Volta, mas podiam-se fazer diferenças e tentamos logo desde o início da subida jogar as nossas cartas.

CM: Quais são os objetivos de toda a equipa até ao final da Volta?

RP: É ir dia a dia a fazer a nossa corrida. Há muitos dias pela frente e os adversários estão bastante bem, e queremos ir desfrutar da corrida, e chegar a Gaia dentro dos objetivos colocados. 

Obrigado pela disponibilidade do Rafael Reis, Maurício Moreira e do Rúben Pereira para serem entrevistados!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock