Quem sairá vencedor no Round 2 dos Pirineus?

Depois de uma primeira etapa montanhosa sem grandes diferenças entre os líderes e candidatos à geral, hoje teremos na etapa 4 a subida ao Boi Taull. Serão 166.7km que levarão o pelotão de La Seu d’Urgell ao topo da subida do Boi Taull. O início da etapa é bastante fácil até ao Coll de Nargo, que é alcançada após 22km. Ao km 30 inicia-se a subida de primeira categoria ao Coll de Boixols (15.8km a 4.9%), que sobe de forma constante entre os 5-6% nos primeiros 9km e nos últimos 4.5km, com uma fase plana pelo meio.

Feita a descida, a corrida ultrapassa uma zona de planície até à subida à primeira categoria de Port de la Creu de Perves (9.4 km a 5.4%). O pelotão fará depois uma descida pouco íngreme de cerca de 10km, antes de se encaminhar, num terreno em falso plano para a subida final a Boi Taull. A subida final tem 13km a 5.7%, mas é bastante irregular e pode ser dividida em várias partes. Depois de um km inicial tranquilo, o pelotão terá 4km mais duros a cerca de 8%, onde se poderão fazer diferenças importantes. Antes dos 4.1km finais de novo mais íngremes, uma fase intermédia com 5km menos inclinados permitirá aos favoritos respirarem um pouco.

Perfil da quarta etapa da Volta a Catalunya

Depois da etapa de ontem, sentiu-se uma UAE Team Emirates com vontade de fragilizar as restantes equipas com diversos ataques e obrigar a concorrência a liderar o pelotão. Com isso, deixam João Almeida provalvemente protegido e atento para atacar no final ou tentar disputar uma vitória ao sprint. O português volta assim a surgir como o nosso principal favorito e tem o bónus de que ontem se apresentou com grande frescura física nos últimos metros.

Juan Ayuso (UAE Team Emirates) pode dar também um excelente resultado à equipa dos Emirados e está com a camisola da juventude, o que o pode motivar a conseguir o seu primeiro grande resultado World Tour em corridas por etapas. Giulio Ciccone (Trek – Segafredo) é também ele um grande finalizador e com a corrida a discutir-se num grupo restrito terá certamente grandes hipótese de fechar no pódio do dia.

O fator altitude poderá também ter o seu peso e aí serão os principais trepadores do pelotão a prevalecer. Ivan Sosa (Movistar), Nairo Quintana (Arkea – Samsic) e Guillaume Martin (Cofidis) terão vantagem nesse cenário e quem sabe se não serão capazes de assaltar a liderança da geral de O’Connor, que ontem esteve muito bem e hoje quererá certamente defender uma camisola que muito lhe custou a conquistar.

Favoritos Ciclismo Mundial

⭐⭐⭐⭐⭐ Joao Almeida
⭐⭐⭐⭐ Juan Ayuso e Giulio Ciccone
⭐⭐⭐ Ivan Ramiro Sosa, Nairo Quintana e Guillaume Martin
⭐⭐ Hugh Carthy, Wout Poels, Tobias Johannessen, Ben O’Connor, Carlos Rodriguez
⭐ Marc Soler, Santiago Buitrago, Sergio Higuita, Richard Carapaz, Ilan van Wilder, Henri Vandenabeele, Harm Vanhoucke, Alejandro Valverde e Michael Woods

Presença Portuguesa

João Almeida, Rui Costa e Ivo Oliveira são os portugueses presentes, todos ao serviço da UAE Team Emirates, com os dorsais #31, #32 e #36, respetivamente.

Transmissão em Direto

Podes acompanhar a prova em direto na Eurosport 1, a partir das 14h15!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock