Norsgaard à procura da Maglia Ciclamino!

A Team SD Worx ofereceu ontem à sul-africana Ashleigh Moolman-Pasio a sua primeira vitória de sempre no Giro d’Itália Donne, na sua décima participação na corrida, e logo na etapa rainha da 32ª edição. Não há adversárias ao nível da equipa holandesa, que continua a capitalizar todas as oportunidades e a dar às suas líderes triunfos largos e vitórias convincentes perante toda a concorrência. O top3 da geral está mais do que fechado e hoje a luta é para definir a vitória nas classificações por pontos e da montanha!

A décima etapa do Giro d’Itália Donne irá ligar Capriva del Friuli a Cormons, num percurso de 113.3km que uma vez mais irá andar à volta de um circuito local. Ao km 26.7 o pelotão irá entrar no circuito onde a corrida terminará, com a primeira passagem pela linha de meta a ocorrer ao km 40. Seguir-se-ão duas voltas de 36.15km a um circuito cujo ponto principal é a curta subida a Ruttars, uma terceira categoria de 1.7km a 5.6% que poderá definir a corrida e eliminar algumas das candidatas para o dia de hoje.

Perfil da décima etapa do Giro d’Itália Donne.

Favoritas

A jornada será sem dúvida muito atacada desde os kms iniciais, mas com a dinamarquesa Emma Norsgaard tão perto de conquistar a classificação por pontos e vencer a Maglia Ciclamino, a Movistar não vai querer deixar as adversárias pensarem em levar o triunfo de hoje. A dinamarquesa já venceu nesta edição, e tem sido das ciclistas mais regulares nos finais ao sprint. Breggen tem 7pts de vantagem, mas a dinamarquesa está motivada para levar de vencida a classificação que tantas vezes a sua referência, Marianne Vos, já venceu.

A Team DSM já venceu por duas vezes com Lorena Wiebes, mas hoje deverá voltar a apostar as suas fichas em Coryn Rivera. Com a holandesa já afastada da vitória na classificação por pontos, a equipa pode muito bem apostar na norte-americana para que ela possa tentar sair deste Giro também com uma vitória. Por outro lado, Lucinda Brand (Trek – Segafredo) é a líder da montanha, mas tem estado bastante ativa em finais mais rápidos. O facto de hoje ter a classificação em disputa e ter de fazer pela vida para a conquistar, pode indicar que a Campeã Mundial de Ciclocrosse estará na fuga, e a ser assim, o triunfo pode mesmo surgir para a holandesa!

Nas alemãs, Lisa Brennauer volta a ter nova oportunidade, e a alemã irá também tentar embalar com uma vitória antes da ida aos Jogos Olímpicos. A concorrência é feroz, mas com a estratégia certa, a ciclista da Ceratizit – WNT Pro Cycling pode muito bem triunfar e surpreender as principais favoritas. Marta Bastianelli (Ale BTC Ljubljana) poderá também estar na disputa, e a velocista italiana quererá tentar sair deste Giro com uma vitória no bolso. Será ela capaz?

Lizzie Deignan (Trek – Segafredo) é quarta à geral, mas a britânica é uma ciclista que gosta de estar na ofensiva. O ataque na última subida poderá acontecer, e estando ela já tão longe da terceira, Demi Vollering (Team SD Worx), ter liberdade para sair do pelotão não deverá ser problema. Porém, também a própria Demi poderá fazer esse ataque em busca de também ela sair deste Giro com um triunfo de etapa, para além do pódio na classificação geral.

Quem irá levar a melhor?

Favoritas Ciclismo Mundial

⭐⭐⭐⭐⭐ Emma Cecilie Norsgaard
⭐⭐⭐⭐ Coryn Rivera e Lucinda Brand
⭐⭐⭐ Lisa Brennauer, Marta Bastianelli e Lorena Wiebes
⭐⭐ Lizzie Deignan, Sofia Bertizzolo, Soraya Paladin e Demi Vollering
⭐ Chantal van den Broek-Blaak, Ilaria Sanguineti, Eugenie Duval, Elise Chabbey e Evita Muzic

Transmissão em Direto

A prova não conta com transmissão televisiva em Portugal, mas iremos procurar trazer-vos o direto assim que possível.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock