Dia para sprinters sem um favorito destacado à vitória!

Depois de um prólogo que já marcou algumas diferenças entre os principais candidatos, a 83ª Volta a Portugal prossegue com a primeira etapa em linha, numa jornada que deverá inevitavelmente estar destinada aos sprinters. Rafael Reis (Glassdrive – Q8 – Anicolor) está de amarelo e não deverá perder a camisola, já que o dia não é complicado nem há bonificações na meta que possam mexer com a classificação geral.

Perfil

A etapa 1 da Volta a Portugal irá ligar Vila Franca de Xira a Elvas, num total de 193.7km, naquela que é a etapa mais longa desta edição da corrida. O dia terá pela frente duas contagens de montanha, ambas de quarta categoria, a primeira das quais em Montemor, ao km 79.7, e a segunda já mais próxima da meta, em Vila Boim, ao km 172.8. Nenhuma das duas deverá ser um entrave para os sprinters, que naturalmente deverão tomar conta da discussão da vitória.

Perfil da etapa 1 da Volta a Portugal

Favoritos

Apesar de não ser um nome conhecido da maioria do público, a nossa grande aposta para hoje é o espanhol Xavier Cañellas (Java Kiwi Atlântico), ele que é um excelente finalizador e que também passa bastante bem terrenos de média montanha. A sua forma é bastante boa, como o demonstra o terceiro lugar obtido na Ordiziako Klasika. Hoje, o espanhol será um dos nomes a ter em conta, e é a nossa aposta para o triunfo.

Também de Espanha chega outro grande nome para o dia de hoje, o de Juan José Lobato (Euskaltel – Euskadi), ele que é já um veterano e que conhece muito bem os terrenos de Portugal. Já com duas etapas na Volta ao Alentejo, Lobato certamente quererá uma primeira na Volta a Portugal. Do lado nacional, César Martingil (Rádio Popular – Paredes – Boavista) é um dos homens mais rápidos, e talvez o maior candidato a terminar nas primeiras posições. Poderá ele vencer e assim mostrar todo o potencial que há muito já lhe era reconhecido?

Na Efapel Cycling surge o nome de Rafael Silva, ele que tem sido um dos homens rápidos da última década em Portugal, mas que foi convertido a capitão de equipa. Este ano poderá trazer-lhe novas oportunidades de vencer ao sprint, e hoje é já uma delas. Tomas Contte (Aviludo – Louletano – Loulé Concelho) é também uma grande aposta para a vitória, e poderá dar à equipa algarvia um importante triunfo na Volta que já há muito vem a faltar. Oscar Pelegri (Burgos – BH) é também outro espanhol que conhece muito bem as estradas portuguesas e hoje poderá também ser um dos candidatos a vencer.

João Matias (Tavfer – Mortágua – Ovos Matinados) será a aposta dos comandados de Gustavo Veloso, enquanto na equipa de Oliveira de Azeméis deverá ser Luís Gomes (Kelly – Simoldes – UDO) a ter a sua oportunidade. A Glassdrive – Q8 – Anicolor deverá dar carta branca a Fábio Costa para discutir o sprint final, enquanto na Atum General – Tavira – AP Maria Nova Hotel deverá ser Aleksandr Grigoriev e intrometer-se entre os homens rápidos.

Nota ainda para o uruguaio Eric Fagundez (BAI Sicasal Petro de Luanda) e para o português Rodrigo Caixas (LA Alumínios – Credibom – Marcos Car), e para os lançadores Vicente Hernaiz e Hugo Nunes (Rádio Popular – Paredes – Boavista), e Gonçalo Amado (Tavfer – Mortágua – Ovos Matinados).

Favoritos Ciclismo Mundial

⭐⭐⭐⭐⭐ Xavier Cañellas
⭐⭐⭐⭐ Juan José Lobato e César Martingil
⭐⭐⭐ Rafael Silva, Oscar Pelegri e Tomas Contte
⭐⭐ João Matias, Luís Gomes, Fábio Costa e Aleksandr Grigoriev
⭐ Eric Fagundez, Rodrigo Caixas, Vicente Hernaiz, Hugo Nunes e Gonçalo Amado

Transmissão em Direto

Podes acompanhar a etapa em direto na RTP1, a partir das 15h!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock