Dia de retoma da BinckBank com ataques ou sprint compacto?

Depois da implementação de novas restrições na Holanda que cancelou o Contrarrelógio de ontem e retirou todas as passsagens por solo holandês desta edição da BinckBank Tour, a etapa de hoje passou a ser um circuito em torno da cidade que seria apenas de chegada, Aalter.

O novo roteiro aponta para 7 voltas a um circuito de 23kms com poucas dificuldades e ruas consideravelmente largas em praticamente todo o percurso. O dia vai ser condicionado pelo bom tempo que a bélgica gostava de oferecer aos corredores – chuva e mais chuva e algum vento. Por isso alguns cortes poderão ocorrer.

Este dia será o ultimo dia para que os homens mais rápidos tenham os seus comboios a trabalhar para um sprint compacto, já que as próximas etapas, serão mais em forma de clássicas de pavé, mesmo tendo em conta as reduções na quilometragem. Ainda assim, devido às condições climatéricas poderá haver surpresas.

Favoritos

Equipas como a Bora e a UAE deverão querer lutar por uma chegada compacta ao sprint, em especial a equipa alemã. a Trek e a Circus deverão também tentar ajudar nesses comboios e controlo da etapa, já que estão bem posicionados para em caso de vitória ficarem líderes da prova.

Tendo todas as variáveis em consideração, Jasper Philipsen parece-nos o maior candidato à vitória na etapa. Motivado pela etapa 1, a camisola de líder dará ainda mais confiança ao corredor, que mesmo não sendo um sprinter puro, tem uma excelente recta final. A concorrência não é gigante e em caso de cortes, o corredor belga estará bem posicionado.

Por outro lado, a Bora traz uma equipa pronta a limpar todas as ações da concorrência e poderá controlar muito bem a etapa para uma vitória do melhor sprinter em jogo – Pascal Ackermann.

O mesmo aconterá com a Trek de Mads Pedersen. Depois de uma excelente Volta a França, o ex-campeão do mundo vem na qualidade de líder e está com uma excelente ponta final. Danny van Poppel tinha começado muito mal a época, mas parece que ao longo de setembro foi subindo de forma e a volta aos seus melhores dias. Foi 4º na primeira etapa sem praticamente ajuda da equipa.

Equipas como a Deceuninck, Sunweb e Jumbo deverão querer jogar com outras cartas e os ataques mais duros serão oriundos destas equipas.

A Bahrain traz três otimos corredores e depois de ter perdido oportunidade de vitória na terça, já que uma parte da equipa ficou no chão, hoje deverão tentar com Garcia Cortina ou Sonny Colbrelli. O mesmo para a Alpecin-Fenix, que traz as suas 2 estrelas, Mathieu van der Poel e Tim Merlier.

Favoritos Ciclismo Mundial:

⭐⭐⭐⭐⭐ Jasper Philipsen

⭐⭐⭐⭐ Pascal Ackermann e Mads Pedersen

⭐⭐⭐Tim Merlier, Danny van Poppel e Alberto Dainese

⭐⭐Mike Teunissen, Stefan Bissegger, Florian Senechal e Christophe Laporte

⭐ John Degenkolb, Rui Oliveira, Mathieu van der Poel, Sonny Colbrelli e Nils Eekhoff

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock