De Monumento… Tudo tem! Olá sterratto, olá Strade Bianche!

Arranca hoje a primeira clássica de um mês de março recheado com a Strade Bianche, para muitos o 6º Monumento do calendário World Tour! Do lado masculino, o pelotão é uma vez mais recheado de estrelas, mas fica marcado pelas ausências de Wout van Aert (Jumbo – Visma), por opção, e de Mathieu van der Poel (Alpecin – Fenix), por lesão. Do lado feminino, também com todas as estrelas do pelotão, é o regresso de Marianne Vos (Jumbo – Visma), como Campeã Mundial de Ciclocrosse o maior destaque!

A corrida das senhoras é a primeira a ir para a estrada, logo pelas 8h10 da manhã, e terá 136km de extensão, com partida e chegada em Siena, terminando na mítica Piazza del Campo, com a dificuldade final da corrida. Ao todo serão 8 setores de sterratto, vários muros, e um final que poderá decidir a corrida a qualquer momento, tal a quantidade de muros e setores consecutivos dentro dos últimos 40km. No total serão percorridos 31.6km pela gravilha italiana.

Perfil da Strade Bianche Feminina

Do lado dos homens, a corrida terá 184km, com saída às 10h40 e partida e chegada nos mesmos locais, e promete ser novamente feita a um ritmo elevadíssimo e destruidor! 63 dos 184km serão percorridos em sterratto, perante um número inimaginável de muros, subidas, descidas perigosas, e oportunidades para fazer a diferença! Os últimos 65km serão sem dúvida difíceis, em constante sobe e desce, e só os melhores terão capacidade para aguentar e discutir a vitória no final.

Perfil da Strade Bianche Masculina

Favoritas

Do lado feminino, o favoritismo volta a recair sobre Annemiek van Vleuten (Movistar), ella que tem vencido em todas as provas em que entra e demonstrado bastante superioridade perante as adversárias. Como principais candidatas terá Demi Vollering, a nova líder da Team SD Worx, e Marianne Vos (Jumbo – Visma), recentemente coroada Campeã Mundial de Ciclocrosse. A luta entre as três promete ser apertada, mas mais candidatas poderão surgir e conquistar o triunfo.

Elisa Longo Borghini (Trek – Segafredo), Cecilie Uttrup Ludwig (FDJ – Nouvelle Aquitaine – Futuroscope) e Katarzyna Niewiadoma (Canyon // SRAM Racing) são também elas já crónicas candidatas, e Ludwig mostrou já recentemente estar em excelente forma! Poderá este ser o ano da carismática dinamarquesa?

Entre os nomes que mais podem surpreender, destacamos o de Grace Brown (FDJ – Nouvelle Aquitaine – Futuroscope) que poderá mexer na corrida e não mais ser alcançada, apesar do papel esperado de trabalho para Ludwig, o de Shirin van Anrooij (Trek – Segafredo), um super talento do ciclocrosse), e o de Liane Lippert (Team DSM), que tem estado em progressão constante de época para época.

Favoritas Ciclismo Mundial

⭐⭐⭐⭐⭐ Annemiek van Vleuten
⭐⭐⭐⭐ Demi Vollering e Marianne Vos
⭐⭐⭐ Elisa Longo Borghini, Cecilie Uttrup Ludwig e Katarzyna Niewiadoma
⭐⭐ Grace Brown, Mavi Garcia, Ashleigh Moolman-Pasio e Shirin van Anrooij
⭐ Chantal van den Broek-Blaak, Marta Bastianelli, Lotte Kopecky, Amanda Spratt e Liane Lippert

Favoritos

Do lado masculino, e depois de uma vitória dominadora no UAE Tour, com direito a duas vitórias de etapa pelo caminho, Tadej Pogacar (UAE Team Emirates) surge como o principal candidato, e parece neste momento difícil que alguém possa bater o super campeão esloveno! Se há alguém que o pode fazer, o Campeão Mundial Julian Alaphilippe (Quick-Step Alpha Vinyl) é certamente um deles, e, se a corrida pender para o muro final em Siena, pode ser o francês a sair por cima! Depois da exibição na Omloop Het Nieuwsblad, e de já ter vencido esta corrida no passado, Tiesj Benoot (Jumbo – Visma) é também um claro candidato, e uma vitória tão importante pode motivar o belga para ser o fiel escudeiro de Wout van Aert nas Clássicas do Norte!

No restante pelotão é difícil encontrar um consenso sobre os principais candidatos a fecharem no top10 e até no top5. Vários nomes estão a andar bastante bem e querem brilhar aqui, como é o caso de Tim Wellens (Lotto Soudal), Matej Mohoric (Bahrain Victorious) ou Benoit Cosnefroy (AG2R Citroen Team), mas as surpresas estão ao virar da esquina e podemos ter um top10 completamente inesperado em metade das suas posições!

Ruben Guerreiro (EF Education – EasyPost) surge também como um forte candidato a fechar nos primeiros lugares, e depois da exibição azarada na etapa final do UAE Tour, com um problema mecânico a retirá-lo do top10 da geral, o Cowboy de Pegões quererá certamente mostrar uma outra imagem e levar de Itália mais um excelente resultado! Michael Gogl é um dos novos reforços da Alpecin – Fenix e fechou nos dez primeiro das últimas duas edições da corrida italiana. Com as novas cores, um top5 para o austríaco poderá ser uma meta ao seu alcance. Quinn Simmons (Trek – Segafredo) e Pello Bilbao (Bahrain Victorious) surgem talvez na lista dos outsiders, mas levam o nosso voto de confiança para obterem um bom resultado.

Favoritos Ciclismo Mundial

⭐⭐⭐⭐⭐ Tadej Pogacar
⭐⭐⭐⭐ Julian Alaphilippe e Tiesj Benoot
⭐⭐⭐ Tim Wellens, Matej Mohoric e Benoit Cosnefroy
⭐⭐ Ruben Guerreiro, Michael Gogl, Quinn Simmons e Pello Bilbao
⭐ Alessandro Covi, Sergio Higuita, Alejandro Valverde, Michael Matthews e Jakob Fuglsang

Portugueses em Prova

Ruben Guerreiro (EF Education – EasyPost) e Nelson Oliveira (Movistar) serão os portugueses em prova, com os dorsais #83 e #165, respetivamente.

Transmissão em Direto

A prova contará com transmissão em direto na Eurosport, com a corrida feminina a partir das 11h30 e a masculina a partir das 12h30.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock