Ao quinto dia, a primeira oportunidade para as sprinters!

A Campeã Mundial Anna van der Breggen (Team SD Worx) venceu ontem a quarta etapa do Giro d’Itália Donne, naquele que foi o seu segundo triunfo nesta edição da corrida. A holandesa voltou a dizimar por completo a concorrência e dinamitou o que ainda restava da classificação geral, com as colegas de equipa Ashleigh Moolman-Pasio e Demi Vollering a ganharem ainda mais espaço no pódio da classificação geral, e a primeira adversária, Lizzie Deignan (Trek – Segafredo), a estar já a quase seis minutos de distância!

A quinta jornada do Giro d’Itália para as senhoras traz-nos uma etapa sem dificuldades, com os 119.6km que ligam Milão a Carugate a serem percorridos num terreno sempre plano. O pelotão percorrerá 16.5km antes de entrar no circuito em que rolará durante quase toda a etapa, e ao qual dará quatro voltas completas, de 25.8km de extensão.

Perfil da quinta etapa do Giro d’Itália Donne

Favoritas

Num pelotão com a presença de Lorena Wiebes, não há como não considerar a jovem holandesa a maior candidata a uma vitória numa etapa ao sprint. Lorena já leva oito triunfos em 2021, e mesmo não tendo aqui a presença do seu super comboio capaz de a deixar praticamente no risco para triunfar, não deverá ter problema algum com a qualidade das ciclistas que a DSM trouxe a este Giro.

Na segunda linha de candidatas ao triunfo temos a jovem dinamarquesa Emma Cecilie Norsgaard (Movistar Women), que está a fazer uma época impressionante e a mostrar todo o seu potencial. Com o lançamento correto, Norsgaard pode até bater Lorena, mas tal ainda não aconteceu esta época em chegadas planas, e isso poderá pesar na mente da dinamarquesa. Marianne Vos (Jumbo – Visma Women) é uma crónica candidata a finais ao sprint, mas não conta com a potência de outros tempos. Ter uma equipa apenas em função de si poderá fazer a diferença, mas será a veterana capaz de superar as jovens adversárias?

Lisa Brennauer (Ceratizit – WNT Pro Cycling) é outro dos nomes a ter em conta para o dia de hoje, e se a alemã pode até nem ser uma pura sprinter, é certo é dona de uma grande ponta de velocidade que complementa na perfeição todas as suas outras capacidades. Marta Bastianelli (Ale BTC Ljubljana) não está a ter para já a sua melhor temporada, mas a motivação de correr em casa pode catapultar a veterana italiana para um triunfo. Sarah Roy (Team BikeExchange) é também uma forte carta para o dia de hoje, e apesar de não ser a maior candidata ao triunfo é bem capaz de finalizar entre as cinco melhores da jornada.

A SD Worx tem a geral praticamente no bolso, e por isso hoje poderá dar uma oportunidade a que a sua ciclista mais rápida possa discutir o final. Elena Cecchini está certamente motivada e hoje pode surpreender com um bom resultado. A Canyon pode apostar tanto em Alexys Ryan como em Hannah Barnes para sprintar, e um lugar entre as melhores do dia também não é de descartar para a equipa alemã. Sem a presença de Chiara Consonni, que ontem foi forçada a abandonar por ter chegado fora de controlo, a Valcar enfrenta hoje uma tarefa complicada, mas deverá apostar as suas fichas em Ilaria Sanguineti. Serão elas capazes de se colocar numa posição entre as dez melhores?

Favoritas Ciclismo Mundial

⭐⭐⭐⭐⭐ Lorena Wiebes
⭐⭐⭐⭐ Emma Cecilie Norsgaard e Marianne Vos
⭐⭐⭐ Lisa Brennauer, Marta Bastianelli e Sarah Roy
⭐⭐ Elena Cecchini, Alexys Ryan, Maria Giulia Confalonieri e Ilaria Sanguineti
⭐ Coryn Rivera, Marta Lach, Demi Vollering, Aude Biannic e Hannah Barnes

Transmissão em Direto

A prova não conta com transmissão televisiva em Portugal, mas iremos procurar trazer-vos o direto assim que possível.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock