Lorena Wiebes em busca de fazer história na Ronde van Drenthe!

A Ronde van Drenthe marca mais uma importante clássica do calendário World Tour feminino. A corrida feita em volta do bem conhecido VAMberg costuma ser um pouco dura, mas sem impedir as principais sprinters de discutirem a vitória. Lorena Wiebes venceu nos últimos três anos e regressar para tentar a histórica quarta vitória consecutiva. O pelotão é de grande qualidade e será, talvez, o que mais dificuldades poderá apresentar a Wiebes. Espera-se por isso uma corrida agressiva e com bastante espetáculo.

Perfil

A 17ª da Ronde van Drenthe apresenta um percurso de 157km com partida em Beilen e chegada em Drijber. A corrida rapidamente entrará no circuito final, ao km 4, e a primeira passagem pela meta, no VAMberg, ocorrerá com 8,5km percorridos. A partir daí, as ciclistas percorrerão cinco voltas ao circuito de 29,7km, onde o vento e a subida serão protagonistas. O final deverá dar-se ao sprint, num grupo de cerca de 30 ciclistas, mas o ritmo pode reduzir ainda mais o pelotão.

O perfil da Ronde van Drenthe
O perfil da Ronde van Drenthe

Favoritas

A tricampeã da corrida, Lorena Wiebes (Team SD Worx – Protime), é a grande favorita a voltar a vencer. Wiebes já leva três vitórias em 2024, e ainda não perdeu qualquer sprint esta temporada. A neerlandesa parte por isso na posição de grande favorita, e espera-se que possa repetir o triunfo. Charlotte Kool (Team dsm-firmenich PostNL) e Elisa Balsamo (Lidl – Trek) serão as grandes adversárias de Wiebes. Kool regressou muito bem no Le Samyn des Dames após ter ficado doente, enquanto Balsamo tem sido a maior adversária de Wiebes. As duas quererão vencer e ser a primeira a bater a “Rainha dos Sprints” em 2024.

Chiara Consonni (UAE Team ADQ) é também uma forte candidata ao pódio. A italiana gosta destes finais um pouco mais duros e não será qualquer surpresa se terminar nas primeiras três posições. Vittoria Guazzini (FDJ – Suez) entrou na temporada em grande forma e já venceu com um grande sprint! Um top5 será um grande resultado para Guazzini, mas o pódio poderá ser uma realidade. Maria Giulia Confalonieri (Uno-X Mobility) entrou muito bem na temporada. A sua forma tem estado consistente e hoje poderá ajudá-la a terminar nas cinco primeiras.

Christina Schweinberger deverá ser a carta da Fenix – Deceuninck. A austríaca ainda não terminou fora do top15 em 2024, e o dia de hoje fá-la ambicionar um novo top10. Georgia Baker (Liv Jayco AlUla) regressa à competição após o último UAE Tour. A sprinter australiana mostrou-se muito bem nos Emirados e hoje poder voltar a fechar nas melhores do dia. Marta Lach (Ceratizit – WNT Pro Cycling) e Anniina Ahtosalo (Uno-X Mobility) começaram o ano a andar bem. As duas são muito rápidas e podem perfeitamente terminar nas dez primeiras do dia.

Nota ainda para Arianna Fidanza (Ceratizit – WNT Pro Cycling), Julie de Wilde (Fenix – Deceuninck), Zoe Backstedt (Canyon//SRAM Racing), Rachele Barbieri (Team dsm-firmenich PostNL) e Sarah Roy (Cofidis), todas elas candidatas a terminar no top10.

Favoritas Ciclismo Mundial

⭐⭐⭐⭐⭐ Lorena Wiebes
⭐⭐⭐⭐ Charlotte Kool e Elisa Balsamo
⭐⭐⭐ Chiara Consonni, Vittoria Guazzini e Maria Giulia Confalonieri
⭐⭐ Christina Schweinberger, Georgia Baker, Marta Lach e Anniina Ahtosalo
⭐ Arianna Fidanza, Julie de Wilde, Zoe Backstedt, Rachele Barbieri e Sarah Roy

Portugueses em Prova

Nenhuma ciclista portuguesa estará presente na corrida.

Transmissão em Direto

Podes acompanhar a corrida em direto no Tiz-Cycling a partir das 15h.

Foto de Capa: Getty Images

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock