Será finalmente o dia de Mads Pedersen na etapa 6 do Paris-Nice?

Disputa-se hoje a sexta etapa do Paris-Nice que nos promete um ótimo espetáculo na luta pela vitória. Alguns ciclistas que têm uma forte ponta final podem ter uma chance para lutar pela etapa, mas alguns favoritos também poderão mexer na corrida para tentar ganhar segundos. Será um dia para Mads Pedersen e Laurence Pithie ou será um dia para um favorito à geral vencer?

Perfil

A sexta etapa do Paris-Nice apresenta um percurso de 198.2km entre Sisteron e La Colle-sur-Loup. O dia contará com quatro contagens de segunda categoria, uma contagem de terceira categoria e um sprint intermédio. A etapa promete começar com um ritmo alto e deverá ser difícil a formação da fuga do dia. Como alguns ciclistas têm aqui uma última chance para vencer poderemos ter algumas equipas a controlar a vantagem da fuga para que esta não consiga vingar.

Ao km 168, os ciclistas entram na subida mais dura do dia, o Côte de La Colle-sur-Loup, com 1.8km a 10%. Poderemos ver favoritos como Remco Evenepoel a mexer para tentar partir a corrida, mas também poderemos ver um pelotão a impor um ritmo elevado para eliminar ciclistas com forte ponta final. Ao km 176.4, os ciclistas entram na subida do sprint intermédio que tem 800 metros a 8.3%. Ataques poderão acontecer novamente para ir buscar bonificações e até mesmo para tentar vencer a etapa.

O final da etapa é numa rampa de 600 metros a 5.6%. Poderemos ter um ciclista a cruzar a meta em solitário ou uma chegada ao sprint num grupo reduzido.

Perfil da 6ª etapa do Paris-Nice
Perfil da 6ª etapa do Paris-Nice

Favoritos

Mads Pedersen (Lidl – Trek) parte como principal favorito para a etapa 6 do Paris-Nice. Pedersen começou a temporada num excelente nível, mas ainda não venceu no Paris-Nice. O dinamarquês diz que tem aqui a sua última oportunidade para vencer e de certeza que dará tudo para o fazer.

Laurence Pithie (Groupama – FDJ) e Remco Evenepoel (Soudal Quick-Step) são os maiores adversários de Pedersen. Pithie também tem aqui a sua última oportunidade para vencer. O neozelandês de certeza que o vai tentar fazer, mas também deverá querer conquistar a camisola verde. Evenepoel tem uma última subida do dia ao seu estilo. O belga é um ciclista que gosta de mexer neste tipo de etapas e pode muito bem fazê-lo para ganhar segundos aos rivais.

Mattias Skjelmose (Lidl – Trek) tem se mostrado em forma. O dinamarquês também se dá bem neste tipo de etapas e tem capacidade para seguir as movimentações e vencer ao sprint num grupo reduzido. Primoz Roglic (Bora – Hansgrohe) de certeza que vai estar atento a Evenepoel. O esloveno é capaz de seguir os ataques, mas poderá guardar-se para tentar vencer ao sprint na rampa final. Egan Bernal (Ineos Grenadiers) começou muito bem a temporada. O colombiano já mostrou que gosta de arriscar ao seguir os ataques e poderá fazê-lo na etapa de hoje.

Felix Gall (Decathlon AG2R La Mondiale) e Matteo Jorgenson (Team Visma | Lease a Bike) começaram bem o ano. Ambos não costumam mexer neste tipo de etapas, mas pode muito bem seguir as principais movimentações. Santiago Buitrago e Pello Bilbao (Bahrain Victorious) são dois ciclistas da Bahrain que podem lutar pela etapa. Buitrago mostrou-se ao vencer a etapa 4. O colombiano parece estar na sua melhor forma e pode muito bem estar com os melhores no dia de hoje. Bilbao é um ciclista que tem capacidade para seguir as principais movimentações, mas também tem uma boa ponta final para finais como o de hoje.

Nota ainda para João Almeida e Brandon McNulty (UAE Team Emirates), Wilco Kelderman (Team Visma | Lease a Bike), Luke Plapp (Team Jayco-AlUla) e Aleksandr Vlasov (Bora – Hansgrohe) que podem terminar no top10 e para David Gaudu (Groupama – FDJ) que pode ir para a fuga para tentar vencer a etapa.

Favoritos Ciclismo Mundial

⭐⭐⭐⭐⭐ Mads Pedersen
⭐⭐⭐⭐ Laurence Pithie e Remco Evenepoel
⭐⭐⭐ Mattias Skjelmose, Primoz Roglic e Egan Bernal
⭐⭐ Felix Gall, Matteo Jorgenson, Santiago Buitrago e Pello Bilbao
⭐ João Almeida, Brandon McNulty, Wilco Kelderman, Luke Plapp, Aleksandr Vlasov e David Gaudu

Portugueses em Prova

João Almeida (UAE Team Emirates) e Rúben Guerreiro (Movistar Team) são os portugueses presentes e estarão com os dorsais #31 e #151, respetivamente.

Transmissão em Direto

Podes acompanhar a corrida em direto na Eurosport 2 a partir das 14h45.

Foto de Capa: Getty Images

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock