Pidcock vence nos elites masculinos, Lecomte domina nas elites femininas na Taça do Mundo de XCO em Nove Mesto.

O britânico Thomas Pidcock (Ineos Grenadiers) venceu a segunda ronda da Taça do Mundo de XCO, prova disputada em Nove Mesro, na República Checa.

Pidcock voltou a fazer uma corrida de trás para a frente, conquistando terreno aos seus rivais, até assumir a liderança da corrida. No segundo posto terminou Mathieu van der Poel (Alpecin-Fenix), a 1 minuto, e no terceiro Mathias Flueckinger (Thomus RN Swiss Bike), a 1m15s.

Com toda a chuva que caiu sobre o circuito Checo, antevia-se uma corrida animada. O terreno estava bastante pesado e escorregadio, o que tornava as já habituas zonas técnicas de Nove Mesto ainda mais complicadas.

Como já nos tem habituado, Mathieu van der Poel arrancou para a liderança da corrida, levando consigo Victor Koretzky (KMC-Orbea). Koretzky acabou por passar por dificuldades, perdendo terminando num modesto 24º posto. Na perseguição ao duo seguia Nino Schurter (Scott-SRAM), Thomas Pidcock, Mathias Flueckinger e o herói local, Ondrej Cink (Kross Orlen).

O ritmo de van der Poel ia fazendo estragos na corrida, e apenas Pidcock era capaz de seguir o holandês. Até que Pidcock acelerou na frente, deixando van der Poel a mais de 30 segundos de distância logo nessa volta.

A “guerra” entre os rivais Pidcock e van der Poel já é antiga, e em Nove Mesto podemos assistir por duas vezes ao duelo. Se no domingo Pidcock levou a vitória para casa, na sexta-feira, na Short Track tinha sido a vez de van der Poel bater o britânico ao sprint, com Jordan Sarrou (Specialized Racing) a fechar no terceiro posto.

Com este resultado, Mathieu van der Poel é o novo líder da Taça do Mundo de XCO, com Thomas Pidcock no segundo posto, a 80 pontos, e Victor Koretzky no terceiro a 87.

Na corrida feminina, Loana Lecomte (Massi) voltou a mostrar a sua superioridade, venceu liderando todas as voltas da corrida.

Lecomte distanciou-se das suas rivais desde cedo, com Haley Batten (Trinity Racing), a terminar no segundo posto a 1m39s, e Rebecca McConnell (Primaflor Mondraker XSauce), a ser terceira, a 1m51s.

A jovem francesa liderou todas as voltas das duas corridas da Taça do Mundo disputadas até ao momento.

Verdadeiramente, a frente da corrida nunca esteve em causa, o que elevou a luta pelos restantes lugares de pódio. Kate Courtney (Scott-SRAM) e Batten começaram a perseguição da jovem Lecomte, com a campeã Mundial Pauline-Ferrand Prévot (Absolute-Absalon-BMC), a conseguir juntar-se ao duo, após partir da quarta linha, fruto da queda violenta na Short Track de sexta.

Na segunda volta, a infelicidade bateu na porta de Kate Courtney, com a manete do travão traseiro a partir, o que acabou por levar a americana ao chão numa das zonas técnicas do percurso.

Ao duo Prévot/Batten, juntaram-se McConnell e Evie Richards (Trek Factory XC). McConnell ainda conseguiu andar isolada no segundo posto, mas na última volta, o cansaço fez-se sentir, e Batten ultrapassou a australiana na última subida, carimbando assim o segundo posto. McConnell ainda conseguiu segurar o terceiro posto.

Na geral, Lecomte é a líder da Taça do Mundo, com Batten no segundo posto, e Ferrand-Prévot no terceiro, ambas a 95 pontos da jovem francesa.

Quanto aos portugueses em prova, nos elites masculinos, Mário Costa (AXPO/Firstbike team/Vila do Conde), foi 77º. Na prova feminina, Joana Monteiro (AXPO/Firstbike team/Vila do Conde), foi 86ª.

Portugal fez-se ainda representar por Raquel Queirós (Seleção Nacional), que fechou a corrida das sub-23 femininas no 19º posto, a 6m53s da vencedora, Mona Mitterwallner. No segundo posto terminou Caroline Bohé, e no terceiro Kata Blanka.

Ana Mafalda Santos (X-Sauce Factory Team) também esteve presente, terminou no 40º posto, a 12m da vencedora.

Nos juniores, João Cruz (Seleção Nacional) terminou no 41º posto, a 5m50s de Finn Treudler. A correr com as cores da sua equipa, Tomás Frazão (Guilhabreu BTT) sofreu uma avaria, terminando no 126º posto.

Nas juniores femininas, Mariana Libano terminou no 33º posto, a 11m34s da vencedora, Lea Huber.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock