Grandes nomes regressam a Portugal em nova edição da Algarvia já em fevereiro!

Do Algarve para o Mundo, têm se lançado algumas das melhores estrelas do ciclismo internacional! Desde Michal Kwiatkowski em 2014, até João Rodrigues em 2021, passando por Geraint Thomas em 2015 e 2016, Primoz Roglic em 2017, Tadej Pogacar em 2019 e Remco Evenepoel em 2020, a corrida Algarvia tem sido uma rampa de lançamento excecional para temporadas de grande valor dos maiores jovens que vão chegando ao nível World Tour, trazendo sempre edições muito disputadas que beneficiam os melhores trepadores que tão bem se defendem no esforço contra o relógio!

Em 2022, a corrida volta a disputar-se em fevereiro, como já é tradição, correndo-se de dia 16 a dia 20, e trazendo uma vez mais um dos melhores pelotões de início de temporada. Portimão dará o grande arranque para a 48ª Volta ao Algarve, numa jornada que se prevê contar com um final ao sprint. Segue-se uma jornada decisiva, com a primeira chegada em alto na Fóia, à qual se sucederá um novo dia para os homens rápidos. Sábado, dia 19, verá o maior contrarrelógio individual dos últimos anos, com 32.2km e o regresso de Vila Real de Santo António à competição para dar a partida de mais um dia decisivo. O final, será, claro, no mítico Malhão, que este ano voltará a ser escalado por duas vezes e que irá fechar a classificação geral num novo dia destinado aos trepadores.

Remco Evenepoel regressará ao Algarve em 2022! (Photo by Tim de Waele/Getty Images)

Equipas Confirmadas

Entre os grandes destaques surgem as quatro primeiras classificadas do Ranking UCI em 2021, a Quick Step Alpha Vynil Team, a Ineos Grenadiers, a Jumbo – Visma e a UAE Team Emirates, todas certamente com ambição de conquistar um bom resultado e disputar a vitória na corrida portuguesa. A estas juntam-se também a Bora – Hansgrohe, a Trek – Segafredo, a Astana Qazaqstan Team, a Groupama – FDJ, a Intermarché – Wanty – Gobert Matériaux e a Cofidis. Nas Pro Continetais, destaca-se, claro, a Alpecin – Fenix, num conjunto que também conta com a Caja Rural – Seguros RGA, de Iúri Leitão, a Euskaltel – Euskadi, a Human Powered Health (ex-Rally Cycling) e a Team Arkéa – Samsic. A estas juntam-se, claro, as 10 equipas continentais portuguesas.

  • WorldTeams 
    • Astana Qazaqstan Team
    • Bora – Hansgrohe
    • Cofidis
    • Groupama – FDJ
    • Ineos – Grenadiers
    • Intermarché – Wanty – Gobert Matériaux
    • Quick-Step Alpha Vinyl Team
    • Team Jumbo – Visma
    • Trek – Segafredo
    • UAE Team Emirates
  • ProTeams 
    • Alpecin – Fenix
    • Caja Rural – Seguros RGA
    • Euskaltel – Euskadi
    • Human Powered Health
    • Team Arkéa – Samsic
  • Continentais 
    • ABTF – Feirense
    • Atum General – Tavira – AP Maria Nova Hotel
    • Aviludo – Louletano – Loulé Concelho
    • Efapel Cycling
    • Glassdrive – Q8 – Anicolor
    • Kelly – Simoldes – UDO
    • LA Alumínios – Credibom – Marcos Car
    • Rádio Popular – Paredes – Boavista
    • Tavfer – Mortágua – Ovos Matinados
    • W52 – FC Porto
João Rodrigues terá uma difícil tarefa para defender a vitória de 2021!

Ciclistas Presentes

Entre os grandes nomes já confirmados, destaca-se Remco Evenepoel, vencedor da corrida em 2020, e que é talvez o ciclista mais completo dos presentes para ambicionar a vitória na classificação geral final! A Groupama – FDJ poderá combater o belga em diversas etapas, e terá desde logo Stefan Kung, o maior favorito para o contrarrelógio, e ainda David Gaudu, que se dará certamente muito bem nas jornadas de montanha! Pela Wanty, Alexander Kristoff estará presente numa das primeiras corridas com a sua nova equipa.

A UAE e a Jumbo ainda não confirmaram os seus alinhamentos, mas Brandon McNulty e Tobias Foss estão para já escalados como os líderes dos respetivos blocos. João Almeida não estará presente, já que irá alinhar a partir de dia 21 no UAE Tour, ao lado de Tadej Pogacar, naquela que é uma corrida muito importante para os patrocinadores da equipa dos Emirados, fazendo por isso questão de ter as suas maiores estrelas à partida.

Entre as equipas portuguesas, a W52 volta a emergir como a maior candidata, tendo em João Rodrigues, vencedor de 2021, o ciclista mais completo para lutar pela vitória final.

Quem irá sair do Algarve com a amarela?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock