Ardenas com alterações nos percursos em 2021!

As principais clássicas das Ardenas, a Amstel Gold Race e a Liege Bastogne Liege, vão sofrer alterações no percurso para a nova temporada, com variações que serão introduzidas, quer para aumentar a dificuldade das corridas, quer devido ao covid-19, de modo a aumentar assim a segurança dos eventos.

A Amstel Gold Race irá voltar ao seu período habitual a meio de abril, no caso decorrendo a 18 desse mesmo mês, e o diretor da corrida, Leo van Vliet, já afirmou que está a trabalhar com a logística para terem uma corrida fechada. De momento o que se especula é que o percurso possa vir a ser semelhante ao que foi apresentado nos Mundiais de 2012 que decorreram na região, com a subida ao Cauberg a ser a dominante na sua prova de referência.

Já na Liege Bastogne Liege está já confirmado que uma nova subida será adicionada, o Côte de Desnié, com 1.6km a 8.1% que irá aparecer logo após o famosíssimo Côte de La Redoute. Tal como no ano passado, a corrida irá terminar no centro de Liege, ao invés, do que nos habituou nos tempos mais recentes, nos subúrbios de Ans, onde vimos por inúmeras vezes Alejandro Valverde vencer, ou até Bob Jungels chegar em solitário numa corrida que certamente ficará nos livros da história. A última subida, o Côte de la Roche-aux-Faucons, estará situada a 13.5km da meta, com os últimos 12km a serem praticamente sempre em terreno plano até à linha de chegada.

O que esperas das Ardenas para 2021?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Releated

Please turn AdBlock off  | Por favor desative o AdBlock